sicnot

Perfil

Cultura

Nuno Lopes vence prémio de melhor ator no Festival de Cinema de Veneza

O ator português Nuno Lopes foi este sábado distinguido pelo júri da secção "Orizzonti", do Festival Internacional de Cinema de Veneza, com o Prémio Especial de Melhor Ator, pelo seu desempenho no filme "São Jorge", de Marco Martins.

A entrega dos prémios, que ainda decorre em Veneza, distinguiu, na secção "Orizzonti", a cineasta belga Fien Troch, como melhor realizadora, pelo filme "Home", e, como melhor filme, "Liberami", de Federica Di Giacomo.

O festival de cinema de Veneza termina hoje com a entrega dos prémios, na cerimónia de encerramento, marcada para as 19:00 locais, e a exibição da nova versão de "Os sete magníficos", clássico dos 'westerns' de Hollywood.

A Filmes do Tejo II, produtora do filme "São Jorge", anunciou hoje que Nuno Lopes venceu o Prémio Especial de Melhor Actor pelo trabalho naquele filme, estreado na secção "Orizzonti", dedicada às "novas tendências do cinema mundial", no segundo dia do festival, a 31 de agosto.

"No filme, Nuno Lopes é Jorge, um boxeur desempregado que aceita trabalho noturno numa empresa de cobranças difíceis. Na preparação do papel, Nuno Lopes realizou trabalho de pesquisa em bairros sociais, no meio do boxe e no circuito de cobranças difíceis. O ator ganhou 20 quilos e submeteu-se a um programa de treino físico durante seis meses, chegando na fase de maior intensidade a treinar seis horas diárias de boxe e crossfit", descreve a produtora.

"São Jorge" assinala o regresso do realizador Marco Martins ao trabalho em cinema com o ator Nuno Lopes, numa parceria iniciada em "Alice", primeira longa-metragem do realizador, que trouxe a ambos reconhecimento internacional.

O programa do último dia do festival conta igualmente com a projeção de "À jamais", do francês Benoît Jacquot, uma coprodução portuguesa, rodada integralmente em Portugal, exibida fora de competição.

O júri do festival foi presidido pelo realizador britânico Sam Mendes.

A 73.ª edição do festival de Veneza foi dedicada aos realizadores Michael Cimino e Abbas Kiarostami, recentemente falecidos, e atribuiu o Leão de Ouro de Carreira ao ator francês Jean-Paul Belmondo e ao cineasta polaco Jerzy Skolimowski, realizador de "11 minutos", que este ano também será homenageado pelo Lisbon & Estoril Film Festival.

Lusa

  • A easyJet não está a oferecer bilhetes no Facebook. Cuidado, é uma burla

    País

    Se esteve no Facebook nos últimos dias, provavelmente reparou na oferta de dois bilhetes para uma viagem da easyJet, a propósito do 22.º aniversário da companhia aérea britânica. Uma viagem para dois tinha tudo para correr bem, não fosse um esquema de burla, criado para obter os dados pessoais dos utilizadores que partilham a publicação na rede social.

  • Brasileiros procuram Portugal
    3:59

    País

    Viver em Portugal é hoje em dia um grande sonho da classe média brasileira. De acordo com o Ministério dos Negócios Estrangeiros, só em 2016, o número de vistos de residência aumentarem em mais de 30%. A língua, a segurança e a qualidade de vida são as razões apontadas para a mudança. Todos os dias, no consulado português no Rio de Janeiro, para a obtenção de vistos.

  • Big Ben em silêncio durante quatro anos
    2:15

    Mundo

    Esta segunda-feira ficou marcada pelas últimas badaladas dos famosos sinos do Big Ben, em Londres, no Reino Unido. A torre, na qual está instalada o relógio mais famoso do mundo, vai entrar em obras e os sinos só vão voltar a tocar em 2021.

  • Garrafa lançada ao mar em Rhodes recebe resposta de Gaza
    1:43

    Mundo

    A história parece de filme, mas aconteceu numa praia de Gaza. Um casal britânico lançou uma garrafa com uma mensagem ao mar, em julho, na ilha grega de Rhodes. A garrafa foi encontrada por um pescador numa praia de Gaza, que aproveitou para enviar a resposta, na qual falou sobre as restrições impostas por Israel.