sicnot

Perfil

Cultura

Angelina Jolie pede divórcio a Brad Pitt

© Kevork Djansezian / Reuters

A atriz Angelina Jolie pediu o divórcio a Brad Pitt após dois anos de casamento e 12 juntos, confirma o advogado de Jolie. Na origem da decisão parecem estar "diferenças irreconciliáveis", nomeadamente a respeito da educação dos filhos.

"A decisão foi tomanda pelo bem estar da família", diz o advogado Robert Offer em comunicado citado pela agência Reuters. Jolie "não fará comentários e pede que seja dada privacidade à família".

Segundo o site de celebridades norte-americano TMZ, Angelina Jolie pede a guarda dos seis filhos - Maddox, Pax, Zahara, Shiloh, e os gémeos Knox e Vivienne - mas autoriza visitas a Brad Pitt.

Os documentos do divórcio datam a separação a 15 de setembro de 2016.

  • Brad Pitt muda-se com a família para Londres para gravar novo filme
    1:01

    Mundo

    Angelina Jolie, Brad Pitt e os seis filhos vão mudar-se para Londres durante os próximos tempos. A família muda-se devido a obrigações profissionais de Brad que vai participar no filme "WWZ 2" que deve estrear no início de 2017. O casal alugou uma casa que custa 19 mil euros por mês, tem oito quartos, piscina interior e ginásio.

  • Passos nega que resultado das autárquicas ponham em causa liderança do PSD
    7:46
  • PS e PSD trocam acusações sobre Tancos
    1:18
  • Homens vítimas de violência doméstica
    31:17
  • Marcelo mergulha na baía de Luanda
    0:45
  • Marcelo garante que relações com Angola "estão vivas"
    1:50

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa sublinhou esta segunda-feira as boas relações entre Portugal e Angola. À chegada a Luanda para a posse do novo Presidente angolano João Lourenço, o chefe de Estado português aproveitou para tomar um banho de mar.

  • Défice chegou aos 2.034 milhões em agosto
    1:51

    Economia

    O défice do Estado caiu 1.900 milhões de euros até agosto, em comparação com o ano passado. A recuperação da economia ajudou a baixar o défice, com mais receitas e impostos acima do esperado. Já a despesa pública ficou praticamente inalterada e os pagamentos do Estado em atraso subiram.

  • Morreu a egípcia que chegou a pesar 500 quilos

    Mundo

    A egípcia Eman Ahmed Abd El Aty, de 37 anos, que chegou a pesar 500 quilos, morreu num hospital de Abu Dabi, nos Emirados Árabes Unidos, devido a complicações cardíacas na sequência do seu excesso de peso.