sicnot

Perfil

Cultura

Beyoncé e Bieber lideram nomeações dos prémios MTV Europa

A cantora norte-americana Beyoncé e o músico canadiano Justin Bieber lideram as nomeações, em cinco categorias cada, para os prémios europeus de música (EMA) do canal de televisão MTV, foi esta terça-feira anunciado.

Este ano a cerimónia dos prémios acontecerá a 06 de novembro em Roterdão, na Holanda, e até lá os nomeados nas diferentes categorias estão a votos na página oficial da MTV.

Beyoncé, que no verão passado saiu vitoriosa dos prémios de vídeo da MTV, está agora nomeada em cinco categorias dos EMA, entre as quais "Melhor artista feminina", "Melhor artista ao vivo" e "Melhor Visual".

Justin Bieber, que atuará em novembro em Lisboa, está nomeado, por exemplo, para os prémios de "Melhor Vídeo", com "Sorry", "Melhor Artista Masculino" e "Melhor Artista Pop".

Com quatro nomeações cada surgem a cantora Adele, Coldplay, Lukas Graham e o lusodescendente Shawn Mendes.

Green Day, Coldplay, Muse, Red Hot Chili Peppers e Metallica estão indicados para "Melhor Grupo Rock", enquanto Drake, Kanye West, Wiz Khalifa, Future e G-Eazy disputam o prémio de "Melhor Artista Hip Hop".

A cerimónia dos EMA acontece anualmente há mais de vinte anos em diferentes cidades europeias. Em 2005, os prémios foram entregues em Lisboa.

Cada canal regional da MTV atribui ainda um prémio a um artista local. Este ano, para o prémio "Best Portuguese Act" estão nomeados Carlão, os D.A.M.A, David Carreira, os HMB e a cantora Aurea.

Lusa

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.