sicnot

Perfil

Cultura

Matilde Campilho, Lobo Antunes e Mia Couto selecionados para prémio Oceanos

O livro poesia de Matilde Campilho, "Jóquei", e os romances "Galveias", de José Luís Peixoto, e "Não é meia-noite quem quer", de António Lobo Antunes, estão entre os semifinalistas do Oceanos - Prémio de Literatura em Língua Portuguesa.

O instituto Itaú Cultural, organizador do galardão que substitui Prémio Portugal Telecom, anunciou a lista das 50 obras semifinalistas para a edição de 2016, repartidas entre as categorias de poesia, romance, conto e crónica. Este ano, serão atribuídos prémios a "quatro livros de criação literária em língua portuguesa".

No que toca à literatura portuguesa, além das obras de Matilde Campilho, Lobo Antunes e José Luís Peixoto, entre os semifinalistas estão "139 epigramas para sentimentalizar pedras", livro de poesia do sociólogo Boaventura de Sousa Santos, e os romances "O pecado de Porto Negro", de Norberto Morais, e "Uma menina está perdida no seu século à procura do pai", de Gonçalo M. Tavares.

Entre os 740 títulos inscritos para o prémio estão também "A rainha ginga", do escritor angolano José Eduardo Agualusa, e "Mulheres de cinzas", do moçambicano Mia Couto.

"Escuta", de Eucanaã Ferraz, "Outro silêncio", de Alice Ruiz - ambos de poesia -, e o romance "A resistência", de Julián Fuks, figuram entre os semifinalistas da literatura brasileira.

A lista dos dez finalistas será revelada a 18 de novembro.

O prémio Oceanos, que cumpre a segunda edição, depois da extinção do Prémio Portugal Telecom, distingue as melhores obras de escritores lusófonos publicadas no Brasil.

No ano passado, o prémio foi atribuído ao escritor brasileiro Silviano Santiago, 80 anos, pelo romance "Mil Rosas Roubadas".

Lusa

  • Deputados pedem medidas urgentes para travar exploração de urânio junto à fronteira
    3:06

    País

    Um projeto de exploração de urânio no município de Retortilho em Salamanca, a cerca de 40 quilómetros da fronteira portuguesa, está a causar preocupação nos dois países. Portugueses e espanhóis temem o risco de contaminação por via aérea e fluvial. Deputados portugueses visitaram o local, onde pediram medidas firmas e urgentes ao Governo para travar o projeto. As autoridades de Espanha não acionaram o mecanismo de avaliação ambiental partilhada.

  • Mulher enterrada viva no Brasil
    1:13

    Mundo

    Uma mulher de 37 anos terá sido enterrada viva no oeste da Bahia, no Brasil. A certidão de óbito aponta um choque séptico como a causa da morte, mas os ferimentos com que foi encontrada no interior do caixão indicam um possível erro. Os moradores de casas vizinhas do cemitério municipal onde Rosângela dos Santos foi enterrada ouviram gritos vindos do túmulo.

  • "Os Estados Unidos são uma sociedade de pistoleiros"
    3:47
  • Trump desafia Oprah a candidatar-se para ser derrotada

    Mundo

    Apesar de Oprah Winfrey ter excluído uma eventual candidatura às eleições presidenciais dos Estados Unidos da América, Donald Trump ainda não se esqueceu dos rumores e desafiou a apresentadora a candidatar-se em 2020. Através do Twitter, o Presidente norte-americano disse ainda que assim poderia ser "exposta e derrotada como todos os outros".

    SIC