sicnot

Perfil

Cultura

Jim Jarmusch e Emir Kusturica nos dez anos do Lisbon & Estoril Film Festival

Os realizadores Jim Jarmusch e Emir Kusturica e o poeta sírio Adonis estão entre mais de 60 convidados da 10.ª edição do Lisbon & Estoril Film Festival - LEFFEST, para 4 a 13 de novembro, anunciou hoje a organização.

O certame dedicado ao cinema vai abrir com o filme "O herói de Hacksaw Ridge", de Mel Gibson, avançou o diretor do LEFFEST, Paulo Branco, numa conferência de imprensa realizada no Centro Cultural de Belém (CCB), para apresentar a totalidade da programação, prevista para 11 espaços de Lisboa, Cascais e Estoril.

Paulo Branco destacou a presença, no festival, do poeta sírio Adonis, que virá lançar o livro "O Arco-íris Do Instante", traduzido por Nuno Júdice, e o escritor espanhol Enrique Villa-Matas, que lançará "Marienbad Eléctrico".

Além das retrospetivas e homenagens anteriormente anunciadas a Jean-Luc Godard e Jerzy Skolimowski, o LEFFEST apresentará também retrospetivas de Emir Kusturika, Teresa Villaverde - "mais do que merecida" - Pascal Bonitzer, Agustin Díaz Yanes e Daniel Rosenfeld.

O realizador franco-suíço Jean-Luc Godard, considerado o mestre da Nouvelle Vague, será homenageado com uma retrospetiva completa da sua obra - cerca de uma centena de filmes - e com um simpósio internacional.

Está também prevista a estreia mundial do filme "Pessoa/Lisboa", realizado por Alberto Ruiz de Samaniego e José Manuel Mouriño.

Em paralelo à exibição cinematográfica - filmes em ante-estreia ou competição, retrospetivas e homenagens - o LEFFEST apresenta, como nas edições anteriores, iniciativas como exposições, conferências, leituras, apresentações de livros, e concertos.

Sobre os dez anos do festival, Paulo Branco, escusou-se a fazer balanços, apontando que "outros os deverão fazer", mas que desde o início foi seu objetivo "era criar um grande festival em Portugal, com outras características, como um ponto de encontro de figurais mundiais do cinema".

Recordou "momentos únicos", com a presença de realizadores, atores e artistas ao longo dos anos, e lamentou que muitos "tenham passado despercebidos":"Infelizmente o espaço cultural nos media é cada vez mais reduzido", criticou o produtor.

Entre os convidados destacou a presença de Adonis, "um dos maiores poetas mundiais, um escritor imenso, numa altura em que está na lista dos nobelizáveis e que é tão importante o debate sobre o diálogo entre culturas".

Sobre o orçamento do festival, disse que este ano é ligeiramente inferior ao do ano passado, ascendendo aos 550 mil euros, com dezenas de parcerias: "Nenhum dos convidados recebe um ´cachet´ para estar aqui, o que é bastante raro de acontecer", sublinhou.

Em competição na 10.ª edição do LEFFEST vão estar os filmes "American Honey", de Andrea Arnold, "Bangkok Nites", de Katsuya Tomita, "Christine", de Antonio Campos, "Dogs", de Bogdan Mirica, "Elle", de Paul Verhoeven, "El Futuro Perfecto", de Nele Wohlatz, "Harmonium", de Kôji Fukada, "Big Big World", de Reha Erdem, "Little Men", de Ira Sachs, "Nocturama", de Bertrand Bonello, "The Last Family", de Jan P. Matuszynski, "The Last of Us", de Ala Eddine Slim, e "Sand Storm", de Elite Zexer.

Fora de competição, além do filme de Mel Gibson, serão exibidos, entre outros, "Uma História Americana", de Ewan McGregor, "Até Nunca", de Benoit Jacquot, "Bacalaureat" de Cristian Mungiu, "Certain Women" de Kelly Reichardt, "Gimme Danger", de Jim Jarmusch, e "Hell or High Water", de David Mackenzie.

Nas exposições está prevista a mostra de fotografia "Chema Prado/Series" e o projeto expositivo de "A Entrevista", de Anabela Soares e Emir Kusturica, no Pavilhão 31 - Centro Hospitalar Psiquiátrico de Lisboa, além do debate "Cinema e Novas Tecnologias - As Sinergias do Futuro".

Os espaços do certame são onze: Cinema Medeia Monumental, Espaço Nimas, Casino Estoril, Centro Cultural de Belém, Centro Cultural de Cascais, Teatro Nacional D. Maria II, Teatro da Trindade, Casa das Histórias Paula Rego, Cinemateca, Cinema NOS Cascais Shopping e P31 - Centro Hospitalar Psiquiátrico de Lisboa.

Lusa

  • "Não vou ceder, não vou render-me, não vou desistir da candidatura"
    2:02
  • Obama, Presidente francês?
    1:55

    Mundo

    A resposta é óbvia, mas não demoveu quatro franceses, descontentes com os candidatos às Presidenciais no seu país. A ideia começou como brincadeira, mas já recolheu 43 mil assinaturas. 

  • Trump apanhado a ensaiar no carro
    1:08
  • Mulheres democratas de branco para mostrar que não abdicam dos diretos conquistados

    Mundo

    Uma "mancha branca" sobressaiu esta terça-feira no Congresso norte-americano, durante o primeiro discurso de Donald Trump. A maioria das 66 mulheres representantes e delegadas do Partido Democrata vestiram-se de branco, num ato simbólico a fazer recordar o movimento sufragista feminino, que encorajava as apoiantes a vestirem-se de branco. Tal como então, a cor da pureza foi agora recuperada, desta feita para mostrar a Trump que as mulheres não abdicam dos direitos conquistados no início do século XX.

  • Treinador do "The Biggest Loser" teve ataque cardíaco

    Mundo

    Foi o próprio Bob Harper que partilhou a notícia no seu Instagram. O ex-treinador do famoso programa de televisão sofreu um ataque cardíaco enquanto treinava no ginásio. Esteve oito dias internado mas, felizmente, já está em casa a recuperar.

  • Prisões recebem manual para lidar com fugas
    2:07

    País

    O Governo vai fazer o maior investimento de sempre nos serviços prisionais. São 2.600 milhões de euros para reforçar a segurança nas prisões. Entretanto. já foi distribuído um manual de procedimentos em caso de fuga.