sicnot

Perfil

Cultura

Morreu o cantor norte-americano Al Jarreau, vencedor de sete prémios Grammy

Felipe Dana

O cantor de jazz norte-americano Al Jarreau, vencedor de sete prémios Grammy, morreu este domingo, aos 76 anos, em Los Angeles, nos Estados Unidos, dias depois de anunciar a sua retirada dos palcos e de ter sido hospitalizado por fadiga.

"Al Jarreau morreu hoje às 5:30 da manhã (hora de Los Angeles). Estava hospitalizado, acompanhado de Ryan (filho), Susan (mulher), amigos e família", explicou o agente do cantor, Joe Gordon, num comunicado hoje enviado aos meios de comunicação social, citado pela agência EFE.

A família irá mandar celebrar uma missa para as pessoas mais chegadas ao cantor e não será organizada nenhuma homenagem pública.

Al Jarreau, nascido em Milwaukee no estado do Winsconsin, editou o seu primeiro álbum em 1975, com 35 anos, tendo dois anos depois recebido o seu primeiro prémio Grammy, de sete, com o disco "Look to the rainbow".

Classificado como cantor de jazz, o estilo "eclético" de Al Jarreau "era inteiramente seu, polido com anos de aprendizagem em 'boites' solitárias", descreve o jornal Washington Post.

Depois de ter sido distinguido com vários prémios como cantor de jazz, Al Jarreau chegou a uma audiência maior com "Breakin' Away", de 1981, que vendeu mais de um milhão de cópias e incluía o tema "We're in this love together". O álbum venceu prémios Grammy nas categorias vocais de pop e jazz.

O tema central da série de televisão dos anos 1980 "Modelo e detetive" ("Moonlighting"), protagonizada por Bruce Willis e Cybill Shepherd, tornou a voz de Al Jarreau conhecida do grande público.

Lusa

  • Não há risco de colapso do viaduto de Alcântara
    1:35

    País

    O desvio de um pilar do viaduto de Alcântara obrigou esta quarta-feira ao corte do trânsito e da circulação de comboios da linha de Cascais. O estrago terá sido provocado por um camião que embateu na estrutura. A circulação ferroviária foi retomada a meio da manhã, mas o viaduto só será reaberto esta quinta-feira.

  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Gelo nos polos recua para recordes mínimos

    Mundo

    A extensão de gelo polar dos oceanos Ártico e Antártico atingiu recordes mínimos a 13 de fevereiro, perdendo o equivalente a uma área maior do que o México, informou esta quarta-feira a agência espacial norte-americana NASA.

  • Túmulo de Jesus Cristo restaurado

    Mundo

    Após 10 meses de obras de restauro, o túmulo onde Jesus Cristo terá sido sepultado foi esta quarta-feira revelado numa cerimónia na igreja do Santo Sepulcro, em Jerusalém.