sicnot

Perfil

Cultura

Diretor de arte de "A Guerra dos Tronos" dá conferência em Lisboa

Willy Sanjuan

O diretor de arte da série televisiva "A Guerra dos Tronos", Paul Ghirardani, já premiada com 38 galardões Emmy, estará no Centro Cultural de Belém, em Lisboa, a 17 de maio, para dar uma conferência, anunciou esta segunda-feira a organização.

A conferência, sobre os bastidores das cidades da série, que cruzam realidade e ficção, acontece no âmbito da Trienal de Arquitetura de Lisboa.

Após esta conferência da 3.ª edição do ciclo "Distância Crítica", Paul Ghirardani conversará com o arquiteto português Manuel Graça Dias, respondendo também a questões do público.

"A Guerra dos Tronos" é uma série de televisão criada por David Benioff e D. B. Weiss com base na série de livros "A Song of Ice and Fire", de George R. R. Martin, e tem sido filmada no Canadá, na Croácia, na Islândia, na Malta, em Marrocos, em Espanha, no Reino Unido, nos Estados Unidos e na República da Irlanda.

A primeira temporada da série estreou-se em 17 de abril de 2011, tendo sido já exibidas seis temporadas, com grande sucesso, estando o primeiro episódio da sétima previsto para 16 de julho, com transmissão em Portugal no dia seguinte, no canal Syfy.

Diplomado em Design Tridimensional pela Kingston School of Arts no Reino Unido, Paul Ghirardani trabalha desde 1998 em cinema e televisão tendo conquistado cinco Primetime Emmys e dois America Awards.

O objetivo das conferências "Distância Crítica" é, segundo a organização, proporcionar um espaço de diálogo entre o público e os arquitetos convidados, e nesta terceira edição foram alargados os temas de debate "para além da arquitetura dita real, abrindo-se agora espaço para os que operam no campo ficcional através da cenografia e ensaios de alta tecnologia".

Neste novo ciclo, que se realiza entre 2017 e 2019, a Trienal aponta que foram selecionados autores cuja prática e a consistência de uma longa carreira são reconhecidas pela crítica, tornando-se referências do pensamento e prática no panorama mundial da arquitetura.

Lusa

  • PS vai continuar a procurar entendimentos à esquerda
    1:38
  • 22 mortos devido a gripe H1N1 no Equador

    Mundo

    Uma epidemia de gripe H1N1 provocou a morte de 22 pessoas no Equador, onde estão diagnosticados perto de 500 casos, anunciou esta segunda-feira o vice-ministro da Saúde, Carlos Duran.

  • Papa pede perdão a vítimas de abusos por ter usado expressão "menos feliz"
    1:21

    Mundo

    No final da visita à América Latina, já no avião de regresso a Roma, o Papa Francisco pediu desculpa às vítimas de abusos sexuais no Chile. O líder da Igreja católica considerou que utilzou uma expressão menos "feliz" quando saiu em defesa do bispo Juan Barros, exigindo "provas" a quem o acusa de não ter agido.

  • Os três pontos de Ronaldo
    1:16
  • Decifrado pergaminho encontrado há 50 anos

    Mundo

    Investigadores israelitas reconstituíram e decifraram um dos dois manuscritos de pergaminhos do Mar Morto que nunca tinham sido interpretados desde que foram descobertos há meio século, anunciou a universidade israelita de Haifa.

  • Refeição de 1.100 euros em Veneza

    Mundo

    O centro de Veneza oferece os mais variados restaurantes. Com menu obrigatório, sem menu, com taxas, sem taxas, sentando ou em pé. Depois há aqueles restaurantes que cobram 1.100 euros por cinco pratos acompanhados por água. O caso aconteceu com quatro turistas japoneses, que depois de pagarem a conta, apresentaram queixa às autoridades. O presidente da Câmara da cidade italiana já disse que ia investigar a situação e, caso se confirmasse, prometeu que iria castigar os responsáveis.

    SIC