sicnot

Perfil

Cultura

Morreu Robert Miles aos 47 anos

Youtube

Robert Miles morreu esta quarta-feira de manhã, de uma doença não especificada. O produtor e DJ italiano foi responsável por um dos grandes êxitos dos anos 90, "Children".

A notícia foi confirmada pelo amigo e também produtor Joe T Vannelli à agência Press Association: "é uma tragédia".

O amigo de longa data publicou ainda um tributo a Robert Miles no Facebook, dizendo que a notícia deixou-o "incrédulo e incomodado". "Vou sentir falta das lutas, das críticas do criticismo, mas especialmente do teu talento em encontrar sons e melodias."

Robert Miles nasceu como Roberto Concina e publicou o seu primeiro CD, Dreamland, em junho de 1996, chegando a número um de vendas em vários países.

"Children", um dos grandes êxitos da década de 90, foi editado pela primeira vez em 1995. A música foi escrita por Robert Miles em honra das vítimas da guerra da antiga Jugoslávia.

  • Bernardo Silva no City? O que Pep Guardiola disse ao português na Champions
    0:34
  • A promessa e a peregrinação do Presidente no Luxemburgo
    2:28
  • "O Brasil não parou e não vai parar"
    1:33

    Mundo

    O Presidente do Brasil diz ter condições para continuar à frente do Palácio do Planalto. Num vídeo publicado no Twitter, Michel Temer garante que o país não parou, nem vai parar, mas há uma nova gravação que pode comprometer o futuro do chefe de Estado.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • O humor de John Kerry nas críticas a Trump
    0:40

    Mundo

    John Kerry criticou as ligações de Donald Trump com a Rússia durante um discurso de abertura, na Universidade de Harvard. O ex-secretário de Estado norte-americano disse, em tom de brincadeira, que se os jovens querem vingar na política, devem primeiro aprender a falar russo.

  • O papel da religião no quotidiano
    24:57