sicnot

Perfil

Cultura

Mochilas, câmaras e garrafas proibidas no concerto de Ariana Grande em Lisboa

Steve Marcus

Mochilas, câmaras fotográficas, selfie sticks e garrafas são alguns dos objetos proibidos no concerto de Ariana Grande, que se realiza domingo, em Lisboa, anunciou esta sexta-feira a promotora Everything is New.

O concerto da cantora norte-americana realiza-se no Meo Arena e a lista de itens proibidos inclui ainda "correntes metálicas e qualquer objeto pontiagudo", 'trolleys', "lanternas, laser e powerbanks" e "cadeiras de qualquer tipo".

Estão também proibidas mensagens xenófobas ou de apelo à violência, caixas e recipientes com comida, bebidas alcoólicas, drogas e seringas, chapéus-de-chuva, qualquer tipo de arma, material explosivo e pirotécnico, e ainda latas e copos.

A promotora aconselha ainda a chegada após a abertura das portas do pavilhão, prevista para as 17:30.O concerto no Meo Arena, o primeiro da artista em Portugal, acontece uma semana depois de um espetáculo solidário que encabeçou em Manchester, para recordar as vítimas do atentado ocorrido em maio, nesta cidade inglesa, à porta do recinto onde tinha acabado de atuar.

Ariana Grande cancelou algumas datas nos dias seguintes ao atentado e retomou a digressão europeia esta semana, com concertos em França, domingo em Portugal, seguindo-se Espanha e Itália.

No concerto de solidariedade em Manchester, no domingo passado, estiveram cerca de 50 mil pessoas e participaram artistas como Coldplay, Justin Bieber, Kate Perry e Miley Cyrus.

Durante as três horas de espetáculo foram arrecadados 2,3 milhões de euros para as vítimas do atentado. Atriz e cantora, Ariana Grande tem 23 anos e começou por participar em espetáculos da Broadway ainda na adolescência e no canal de televisão Nichelodeon.

Ariana tem três álbuns editados: "Yours truly" (2013), "My everything" (2014) e "Dangerous Woman" (2016), que dá o nome à atual digressão.

Lusa

  • PSP reforça segurança para concerto de Ariana Grande em Lisboa
    0:48

    Cultura

    A PSP vai reforçar a segurança no ocncerto de Ariana Grande, este domingo na MEO Arena, em Lisboa. As revistas vão ser mais apertadas e os agentes vão andar com mais armas à vista. Depois do atentado em Manchester, Ariana Grande retomou esta quarta-feira a digressão mundial em Paris.

  • Quando Ariana Grande preparava a primeira digressão mundial
    2:57

    Cartaz

    Foi em outubro de 2014 que a SIC conversou com a norte-americana Ariana Grande, a propósito do seu segundo disco "My Everything" e da primeira digressão da cantora, que tinha então 21 anos. A propósito da estreia de Ariana Grande em Portugal, este domingo (depois de ter cancelado um concerto no Rock in Rio 2016), republicamos essa entrevista aqui.

  • Milhares responderam ao apelo de Ariana Grande em "One Love Manchester"
    2:21

    Ataque em Manchester

    O atentado de Londres aconteceu no mesmo fim de semana em que se homenagearam as vítimas do ataque de Manchester, num concerto organizado por Ariana Grande. A cantora norte-americana juntou algumas das principais figuras da música mundial. Cerca de 50 mil pessoas assistiram ao concerto "One Love Manchester". as receitas do espetáculo revertem para a Cruz Vermelha britânica e destinam-se a ajudar as vítimas do atentado de 22 de maio.

  • Sabe onde fica a Nambia? Algures em África, segundo Trump

    Mundo

    "O sistema de saúde na Nambia é incrivelmente autossuficiente", declarou o Presidente dos Estados Unidos num discurso proferido num almoço com líderes africanos. No encontro, realizado esta quarta-feira à margem da 72.ª Assembleia-Geral da ONU, em Nova Iorque, Donald Trump repetiu o erro. Os utilizadores das redes sociais não perdoaram mais este "lapso" do chefe de Estado norte-americano.

  • Ambiente e direitos humanos dominam discurso de Costa na ONU
    2:03
  • Yoko Ono obriga limonada "John Lemon" a mudar de nome

    Cultura

    A viúva do Beatle John Lennon ameaçou processar uma empresa de bebidas polaca por causa da limonada "John Lemon". Yoko Ono não terá gostado do trocadilho entre Lennon e Lemon (limão, em inglês) e quer ver toda e qualquer garrafa com este rótulo retirada do mercado.