sicnot

Perfil

Cultura

Maioria dos festivaleiros faz questão de captar os melhores momentos

Maioria dos festivaleiros faz questão de captar os melhores momentos

Hoje em dia já não há festivais sem telemóveis e máquinas fotográficas no ar. A maioria dos festivaleiros faz questão de registar os melhores momentos. A SIC esteve no recinto do Super Bock Super Rock para saber quais são os melhores lugares para as selfies.

  • Red Hot Chili Peppers não tocavam em Portugal há 11 anos
    2:15

    Cultura

    Após uma espera de 11 anos, o público português reencontrou-se com os Red Hot Chili Peppers, no primeiro dia do Super Bock Super Rock. Na bagagem, os norte-americanos trouxeram o último disco, "The Getaway", lançado em 2016. Esta sexta-feira, foi a vez dos The Gift e do rapper Future.

  • "Temos um festival com ótima música e ótima cerveja, mas também sustentável"
    3:15

    Cultura

    Luís Montez da organização do Super Bock Super Rock e Nuno Bernardo da Unicer estiveram em direto para o Jornal da Noite, onde falaram sobre o festival no Parque das Nações. Luís Montez falou sobre os músicos portugueses no festival, que aumentam cada vez mais porque "o público assim o deseja". O organizador diz ainda que quiseram apostar mais no hip hop, depois da estreia de Kendrick Lamar em 2016. Já Nuno Bernardo diz que a UNICER tenta estar junto com o festival numa vertente urbana, com workshops, peças de artistas e exposições. O administrador de Marketing da Unicer garante ainda "ótima música e ótima cerca", num festival que também é sustentável.

  • Novo Banco vai reestruturar dívida de Luís Filipe Vieira
    1:22

    Desporto

    O Novo Banco vai reestruturar parte da dívida da empresa de Luís Filipe Vieira, que ronda os 400 milhões de euros. Parte dos ativos da empresa foram transferidos para um fundo para serem rentabilizados no prazo de cinco anos. Esse fundo está a ser gerido pelo vice-presidente do Benfica.

  • Dono de fábrica que ardeu na Anadia diz que produção não vai ser afetada
    2:04
  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Tragédia em Vila Nova da Rainha aconteceu há uma semana
    7:18
  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52