sicnot

Perfil

Cultura

Filme "Sámi Blood" vence 11.º prémio europeu Lux

O filme "Sámi Blood" da realizadora sueca Amanda Kernell venceu esta terça-feira a 11.ª edição do prémio Lux, atribuído pelo Parlamento Europeu.

"Sámi Blood" é uma coprodução entre Suécia, Noruega e Dinamarca e conta a história de uma rapariga de etnia sámi que quer abandonar a comunidade em que vive, na Lapónia, e acaba por enfrentar comportamentos racistas.

O prémio Lux existe há dez anos e pretende promover a produção cinematográfica europeia.

O filme vencedor vai ser adaptado para pessoas com incapacidades visuais e auditivas.

"Sámi Blood" e o dois outros finalistas do prémio Lux vão ainda ser traduzidos nas 24 línguas oficiais da União Europeia.

  • Desespero e euforia marcaram o 8.º dia de Mundial
    0:50
  • Comprava uma bola de futebol com 9 mil cristais Swarovski?
    2:51
  • Lisboa vence prémio Capital Europeia Verde de 2020

    País

    A cidade de Lisboa venceu o prémio de Capital Europeia Verde de 2020, anunciou o comissário da União Europeia para o Ambiente, Assuntos Marítimos e Pescas, Karmenu Vella, numa cerimónia que decorreu em Nijmegen, na Holanda.

  • Trump culpa democratas pela separação de pais e filhos
    0:22