sicnot

Perfil

Desporto

Feyenoord considera que lançamento de banana insuflável não foi ato racista

O diretor geral do Feyenoord, Eric Gudde, considerou hoje que o lançamento de uma banana insuflável para o relvado num jogo da Liga Europa de futebol não foi um ato racista.

OLAF KRAAK

O clube holandês, que está a ser alvo de um inquérito da UEFA, refere que "as bananas fazem parte de coreografia dos adeptos, na qual também usam bolas de praia".

Gudde refere ainda que o Feyenoord "é um clube multicultural" e que isso pode ver-se em todas as equipas "desde a formação até à equipa principal".

A UEFA abriu na segunda-feira um inquérito disciplinar na sequência dos incidentes verificados no jogo dos 16 avos de final da Liga Europa entre o Feyenoord e a Roma, em Roterdão.

O caso do clube holandês estará em análise na reunião de 19 de março, devido a "comportamento racista", "arremesso de projéteis e utilização de material pirotécnico" e "organização deficiente".

Em relação à Roma, a UEFA abriu um inquérito devido a "atraso da equipa" e ao jogador sérvio Adem Ljajic, acusado de ter "provocado" os espetadores, num processo que deverá ser analisado já esta quarta-feira.

Na quinta-feira, na segunda mão entre as duas equipas, em Roterdão, o jogo teve que ser interrompido por duas vezes, devido ao arremesso de objetos para o relvado por parte dos adeptos do Feyenoord.

A Roma apurou-se para os oitavos de final da competição, depois de vencer em Roterdão por 2-1 e quando as duas equipas tinham empatado a um golo no jogo da primeira mão.



  • Luís Pina indiciado por quatro crimes de tentativa de homicídio
    2:24
  • Ministro "mais descansado" com relatório sobre Almaraz, ambientalistas contestam
    2:01

    País

    O ministro do Ambiente diz estar mais descansado depois de conhecer o relatório técnico que considera o armazém de resíduos nucleares em Almaraz uma solução adequada. Já as associações ambientalistas e os partidos criticam o parecer positivo à construção e querem ouvir os ministros do Ambiente e dos Negócios Estrangeiros no Parlamento.

  • Marcelo recebido por multidão na Ovibeja
    2:52
  • Líderes europeus unidos para iniciar saída do Reino Unido
    2:08
  • 100 dias de Trump em 04'30''
    4:33

    Pequenas grandes histórias

    Donald Trump tomou posse como 45º Presidente dos EUA dia 20 de janeiro de 2017, faz este sábado, 100 dias. Prometeu grandes mudanças, mas os planos acabaram por chocar de frente com a realidade e a burocracia de Washington, como foi o caso do Obamacare. Foi a primeira ordem executiva que assinou, no dia em que tomou posse, mas a revogação está longe de acontecer.