sicnot

Perfil

Desporto

Michael Phelps pode vir a estar nos Mundiais de natação

O nadador Michael Phelps, recordista de medalhas olímpicas, poderá ser reintegrado na seleção dos Estados Unidos para os Mundiais, que se disputam em agosto, apesar de inicialmente ter sido excluído devido a um caso de alcoolemia. 

© USA Today Sports / Reuters

"É complicado, mas há possibilidades de que aconteça. Há formas de reconsiderar ou considerar a situação", admitiu o diretor executivo da Federação norte-americana de natação, Chuck Wielgus, em declarações ao ESPN.com.

Phelps, que já tinha conquistado um lugar para os Mundiais de Kazan (Rússia) nas provas de 100 metros livres, 100 mariposa e 200 estilos, foi sancionado em outubro pela sua federação com uma suspensão de seis meses, depois de ser detido por conduzir sob o efeito do álcool. 

Além da suspensão, a entidade que tutela a natação nos Estados Unidos excluiu Phelps, dono de 22 medalhas olímpicas, da equipa que representará o seu país nos Campeonatos do Mundo em agosto, apesar de a sua sanção terminar a 06 de abril, quatro meses antes do início da competição. 

Esta decisão podia ser reconsiderada, de acordo com Chuck Wielgus, que reconheceu já ter mantido conversas informais com o nadador. 

Phelps, que deverá regressar às piscinas a 15 de abril na localidade de Mesa (Estados Unidos), voltou à natação no ano passado, dois anos depois de anunciar a sua retirada, com o objetivo de participar nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016. 

Michael Phelps, que em junho cumprirá 30 anos, conseguiu um regresso bem-sucedido com cinco medalhas nos Campeonatos Pan-Pacífico, antes de ser detido, a 29 de setembro de 2014, pela polícia de Baltimore, quando conduzia a quase o dobro da velocidade permitida e com uma taxa de álcool no sangue superior à autorizada. 



Lusa
  • BE acusa direita de bloquear atual comissão à CGD
    1:37

    Caso CGD

    O Bloco de Esquerda acusa a oposição de estar a fazer tudo para impedir as conclusões da comissão de inquérito sobre a Caixa Geral de Depósitos que está em curso. Numa altura em que PSD e CDS já entregaram o requerimento para avançar com uma segunda comissão, Catarina Martins defende que ainda há muita coisa por apurar sobre o processo de recapitalização do banco público.

  • Visita de Costa a Angola pode estar em risco
    2:26

    País

    A visita de António Costa a Luanda poderá estar em risco devido à acusação da justiça portuguesa contra o vice-Presidente de Angola. O jornal Expresso avança que o comunicado com a reação dura do Governo angolano é apenas o primeiro passo e que pode até estar a ser preparado um conjunto de medidas contra Portugal. Para já, o primeiro-ministro português desvaloriza a ameaça e mantém a visita marcada para a primavera.