sicnot

Perfil

Desporto

Guarda-redes do Operário dos Açores esteve 1211 minutos sem sofrer golos

Guarda-redes do Operário dos Açores esteve 1211 minutos sem sofrer golos

Foi batido o recorde de minutos sem sofrer golos que, há mais de 20 anos pertencia a Vítor Baía. O guarda-redes João Botelho, do Operário dos Açores, completou 1211 minutos sem um único golo sofrido, o equivalente a praticamente 13 jogos.

  • Fuga de Vale de Judeus em junho de 1975 no Perdidos e Achados
    0:36

    Perdidos e Achados

    Prisão Vale de Judeus, final de tarde de domingo, dia 29 de junho de 1975. O plano da fuga terá sido desenhado por uma vintena de homens. Serrada a presiana metálica era preciso passar, para fora do edifício, as cabeceiras dos beliches onde os presos dormiam. Ao longo de cerca de uma hora 89 detidos, agentes da PIDE/DGS, a Polícia Internacional e de Defesa do Estado português extinta depois da revolução de 1974, fogem do estabelecimento prisional.

    Segunda-feira no Jornal da Noite