sicnot

Perfil

Desporto

Cinco suspeitos de ato racista antes do PSG-Chelsea respondem em tribunal

Cinco homens suspeitos de terem participado no incidente racista no metro parisiense, antes do jogo da Liga dos Campeões de futebol Paris Saint-Germain-Chelsea, vão responder em tribunal a 25 de março, anunciou hoje a polícia britânica.

© Siu Chiu / Reuters

As autoridades policiais informaram que os cinco homens foram convocados a comparecer perante o tribunal de Waltham Forest, próximo de Londres, no âmbito de uma ação diretamente relacionada com a emissão de ordens judiciais de proibição de frequentar estádios de futebol.

A 17 de fevereiro, em Paris, antes do jogo da primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões (1-1), adeptos da equipa inglesa foram filmados a impedir a entrada numa composição de metro a um negro, enquanto cantavam: "Somos racistas, somos racistas e é assim que gostamos de ser."

O Chelsea proibiu cinco adeptos envolvidos de assistirem a jogos no seu estádio, repudiando de imediato o incidente, tal como o treinador, o português José Mourinho, que convidou a vítima a assistir em Londres a um jogo dos 'blues', o que foi recusado.

O homem impedido de entrar no metro de Paris apresentou uma denúncia devido ao incidente, que já levou a procuradoria de Paris a abrir um inquérito por "violência voluntária com base na raça num meio de transporte público".

O Chelsea, líder isolado da Liga inglesa, e o Paris Saint-Germain, segundo classificado do campeonato francês, defrontam-se hoje no encontro da segunda mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões, em Londres, com início às 19:45.

Lusa
  • Avioneta despenha-se em centro comercial de Melbourne

    Mundo

    Uma avioneta com cinco pessoas a bordo caiu num centro comercial perto do aeroporto de Essendon em Melbourne. Segundo a polícia do estado de Vitória tratava-se de um voo charter com destino a King Island, situada entre a parte continental da Austrália e a ilha da Tasmânia.

  • Acha que conhece o seu país?
    27:42
  • China descobre nova mutação do vírus H7N9

    Mundo

    A China descobriu uma nova mutação do vírus H7N9, considerada a mais mortífera das estirpes que causam a gripe das aves, sobretudo para aves vivas, não representando nova ameaça para os seres-humanos, informou hoje a imprensa estatal.

  • Jornalista bielorrusso come jornal após perder aposta

    Desporto

    Vyacheslav Fedorenko, editor de desporto de um importante jornal da Bielorrúsia, apostou que o Dinamo Minsk não chegaria aos play-offs da Kontinental Hockey League (KHL), uma liga internacional dominada por equipas russas. Perdeu e acabou a comer as próprias palavras, impressas em papel.

  • Os ensaios para a maior festa do ano
    1:16

    Mundo

    Em contagem decrescente para o Carnaval, no Rio de Janeiro, já começaram os ensaios para a maior festa do ano. A noite de testes na avenida Marquês de Sapucaí conta com desfiles gratuitos.