sicnot

Perfil

Desporto

Julgamento de Pistorius vai ser alvo de recurso da acusação

O julgamento de Oscar Pistorius, que cumpre cinco anos de prisão por ter matado a namorada em 2013, vai ser alvo de um recurso da acusação, depois de os advogados do ex-atleta terem falhado hoje o bloqueamento do processo.

© POOL New / Reuters

A juíza Thokozile Masipa, que autorizou a procuradoria a recorrer do seu próprio julgamento, rejeitou o pedido dos defensores de Pistorius.

O ex-campeão paraolímpico, preso desde outubro e que festejou recentemente os seus 28 anos na prisão, foi considerado culpado de "homicídio involuntário".

A juíza admitiu que não tinha suficientes provas para rejeitar a versão de Pistorius, que sempre afirmou ter matado Reeva Steenkamp, a 14 de fevereiro de 2013, por a ter confundido com um ladrão que teria entrado em sua casa durante a noite.

Foi esta noção de homicídio involuntário que motivou o recurso da acusação, que tinha criticado a "ligeireza chocante" da pena.

Os procuradores argumentam que Masipa não interpretou corretamente a lei quando considerou que Pistorius não matou intencionalmente Steenkamp, apesar de o atleta ter disparado quatro tiros através da porta da casa de banho e admitido pensar que um ser humano se encontrava no local. 

Os advogados do atleta contradiziam que a condenação foi baseada em factos apresentados durante o julgamento e que, por isso, não admitia recurso.

O Supremo Tribunal de Recurso irá agora analisar o caso, a partir de agosto. Se for considerado culpado de homicídio, Pistorius -- que ganhou seis medalhas de ouro - arrisca pelo menos 15 anos de prisão.








Lusa
  • Autarca e duas jornalistas mortas a tiro na Finlândia 

    Mundo

    A presidente da Câmara de Imatra, na Finlândia, e duas jornalistas foram mortas a tiro na noite passada, na pequena cidade do sudeste do país. O incidente aconteceu junto a um restaurante e a polícia chegou ao local pouco depois dos disparos. Um suspeito de 23 anos já foi detido.

  • Avião da Qatar Airways aterra de emergência nas Lajes
    0:47

    País

    Aterrou de emergência nos Açores, esta manhã, um avião da Qatar Airways. A turbulência obrigou à manobra que causou pelo menos 10 feridos nos passageiro do avião que fazia ligação de Washington para Doha, capital do Qatar, e foi desviado para a base aérea das Lajes.

  • Óscar do turismo para empresa que gere património de Sintra
    1:51

    Cultura

    A Parques de Sintra ganhou, pelo quarto ano consecutivo, os World Travel Awards na categoria de "Melhor Empresa de Conservação do Mundo". A empresa portuguesa, que gere monumentos, parques e jardins situados na zona da Paisagem Cultural de Sintra e em Queluz, voltou a ser a única nomeada europeia na categoria, e foi a vencedora entre candidatos de todo o mundo.

  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.