sicnot

Perfil

Desporto

Hugo Almeida volta a marcar quase 10 meses depois

O avançado português Hugo Almeida voltou esta segunda-feira marcar um golo em jogos oficiais, quase 10 meses depois da sua última concretização, na derrota do Kuban Krasnodar frente ao Rostov, na Liga russa de futebol.

O internacional português, de 30 anos, fez o golo do empate do Kuban Krasnodar, aos 79 minutos, antes de Serdar Azmoun (88) dar o triunfo ao Rostov e depois de Aleksandr Bukharov (51) ter colocado a equipa da casa em vantagem. (Arquivo)

O internacional português, de 30 anos, fez o golo do empate do Kuban Krasnodar, aos 79 minutos, antes de Serdar Azmoun (88) dar o triunfo ao Rostov e depois de Aleksandr Bukharov (51) ter colocado a equipa da casa em vantagem. (Arquivo)

AP

O internacional português, de 30 anos, fez o golo do empate do Kuban Krasnodar, aos 79 minutos, antes de Serdar Azmoun (88) dar o triunfo ao Rostov e depois de Aleksandr Bukharov (51) ter colocado a equipa da casa em vantagem.

Ao seu segundo jogo pelo conjunto russo, depois de já ter passado pelos italianos do Cesena, Hugo Almeida interrompeu a 'seca' de golos, que durava de 17 de maio de 2014, quando marcou no empate do Besiktas com Gençlerbirligi (1-1), na 34.ª jornada da Liga turca.
Lusa
  • Hugo Almeida rescinde contrato com o Cesena

    Desporto

    O futebolista internacional português Hugo Almeida e o Cesena rescindiram esta segunda-feira, por mútuo acordo, o contrato que ligava o avançado português ao clube italiano, atualmente penúltimo classificado da liga italiana.

  • Caixa multibanco assaltada em Portugal a cada dois dias
    2:43

    País

    O semanário Expresso conta que a mulher que morreu vítima de um disparo de agentes da PSP foi atingida pelas costas. O caso está a ser investigado pela PJ, que procura encaixar as peças da noite que acabou com uma morte inocente mas que começou com uma perseguição a um grupo de assaltantes de um multibanco. Assaltos que são cada vez mais comuns e que preocupam o Governo. A cada dois dias, uma caixa é assaltada.

  • Metro de Lisboa vai reduzir consumo de água

    País

    O Metro de Lisboa colocou em prática um programa para reduzir o consumo de água devido à situação de seca em Portugal, respondendo assim ao apelo do Ministério do Ambiente, segundo um comunicado divulgado este sábado.