sicnot

Perfil

Desporto

Derrotas com FC Porto e Benfica não vão condicionar, defende treinador do Braga

O treinador do Sporting de Braga, Sérgio Conceição, disse esta quinta-feira que as duas derrotas consecutivas não vão condicionar a abordagem à receção à Académica, na sexta-feira, em jogo da 26ª jornada da I Liga de futebol.

Os desaires frente a FC Porto, em casa (1-0), e Benfica, fora (2-0), e, sobretudo, as más exibições, surpreenderam, mas o treinador não quis abordar os erros cometidos defendendo que "a equipa não esteve mal, só que os erros contra essas equipas pagam-se caro". (Arquivo)

Os desaires frente a FC Porto, em casa (1-0), e Benfica, fora (2-0), e, sobretudo, as más exibições, surpreenderam, mas o treinador não quis abordar os erros cometidos defendendo que "a equipa não esteve mal, só que os erros contra essas equipas pagam-se caro". (Arquivo)

LUSA

Os desaires frente a FC Porto, em casa (1-0), e Benfica, fora (2-0), e, sobretudo, as más exibições, surpreenderam, mas o treinador não quis abordar os erros cometidos defendendo que "a equipa não esteve mal, só que os erros contra essas equipas pagam-se caro".

"Não é depois de duas derrotas seguidas que vamos trabalhar e jogar de forma diferente, o trabalho não modifica consoante os resultados, obviamente que a disposição, o espírito e a atmosfera são diferentes, mas isso não nos condiciona em nada", disse.

Já a Académica vem de uma grande recuperação, com sete jogos consecutivos sem perder (três vitórias e quatro empates), que lhe permitiram sair da zona de despromoção, e o técnico espera um adversário "algo diferente, principalmente a nível emocional".

"Estas vitórias e resultados positivos vieram juntar o treinador e a força da Académica, os seus adeptos, a cidade. O ambiente tornou-se mais positivo e confiante e, por isso, espero um jogo extremamente difícil de uma equipa que tem valor para estar noutro lugar na tabela classificativa. Se avaliarmos friamente, só tem mais uma derrota do que o Braga, tem é mais empates, o que é demonstrativo", referiu. 

Sobre o momento de Rafa, em baixo de forma há algumas semanas, disse não querer individualizar as questões, mas reconheceu estar satisfeito com o contributo que o extremo tem dado à equipa. 

"O Rafa tem crescido muito, é um jogador mais maduro, mais constante, compreendo que se olhe mais para os desequilíbrios que ele pode criar, mas o crescimento dele tem sido sustentado, não tem estado mal, apesar de menos exuberante, ele aparece menos nos momentos que são importantes para ele, mas no que é o jogo que lhe peço tem-se comportado bem. É um jogador para outros voos, toda a gente sabe isso, e vai mostrá-lo até ao final da época, temos mais 12 jogos até ao final, contando com a final da Taça de Portugal", sublinhou.

Ausências certas para o jogo com a Académica são Tiago Gomes e Danilo - castigados, sendo que o médio brasileiro está também a contas com um problema muscular que o vai limitar nos próximos 10/15 dias, segundo o treinador -- e o guarda-redes Matheus, lesionado. 

Sérgio Conceição desvalorizou ainda as notícias sobre um alegado interesse do PAOK, da Grécia, na sua contratação. 

"Lá existem sete ou oito jornais desportivos diários e se aqui tentam arranjar informação ao máximo, imaginem lá. Saí de lá com uma boa imagem, mas não passa disso, estou muito contente e agradecido com esta oportunidade de estar em Braga, estou a viver isto de forma muito apaixonada, estou completamente satisfeito, depois se me querem aqui é outra história", explicou.

Braga, quarto classificado com 46 pontos, e Académica, 13.ª com 25, defrontam-se na sexta-feira, às 20:30, no Estádio Municipal de Braga, sob arbitragem de Bruno Paixão, de Setúbal.
Lusa
  • Depois do Fogo
    23:30

    Reportagem Especial

    Foi o incêndio mais mortífero de que há memória. No dia 17 de junho, as chamas apanharam desprevenidos moradores de vários concelhos e fizeram pelo menos 64 mortos. O incêndio prolongou-se durante vários dias deixando um rasto de histórias de perda e de sobrevivência, mas também de solidariedade de um sem número de pessoas anónimas.

  • "A menina agora volta para casa. Nós não." 

    Foi o desabafo do Cesário que me fez escrever qualquer coisa sobre o que vivi na última semana. Eram dez e pouco da noite, tinha acabado a vigília de homenagem às vítimas em Figueiró dos Vinhos e ele ainda tinha na mão um balão branco que àquela hora já só estava meio cheio. Era o último dia de uma longa e dura jornada de trabalho e estávamos a arrumar as coisas para no dia seguinte regressarmos a Lisboa.

    Débora Henriques

  • Pagar IMI a prestações e um Documento Único Automóvel mais pequeno

    País

    O programa Simplex + 2017 é apresentado hoje à tarde e recebeu mais de 250 propostas de cidadãos ao longo dos últimos meses. As novas medidas preveem o pagamento em prestações do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) e a criação de um simulador de custos da Justiça, que devem estar em vigor no próximo ano.

  • "A culpa morre sozinha?"
    0:41

    Opinião

    Luís Marques Mendes não acredita que o Ministério Público não formule uma acusação de homicídio por negligência e que não haja demissões na sequência do incêndio de Pedrógão Grande. O comentador da SIC debateu o tema este domingo no Jornal da Noite da SIC.

    Luís Marques Mendes

  • Cinco anos depois do incêndio na Serra do Caldeirão
    5:24

    País

    Pedrógão Grande fez reviver o drama vivido pelas gentes da Serra do Caldeirão no verão de 2012. Falta de bombeiros, moradores retirados à força, casas e floresta destruídas são semelhanças que encontram nestes dramas separados por cinco anos.

  • Novo avião da TAP com pintura retro
    0:36

    Economia

    O novo avião da TAP chama-se "Portugal", tem uma pintura retro e vai sobrevoar os céus do pais a partir desta segunda-feira. A companhia aérea explica que o nome e a pintura são uma forma de homenagear a ligação histórica entre a empresa e o país.