sicnot

Perfil

Desporto

Braga e Académica empatam a zero na abertura da 26ª jornada da Liga

O Sporting de Braga e a Académica empataram esta sexta-feira a zero, no encontro de abertura da 26.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, disputado no Estádio Municipal bracarense.

Os 'arsenalistas' somaram, pela primeira vez esta época, três encontros consecutivos sem vencer no campeonato, depois das derrotas com FC Porto e Benfica, mantendo, contudo, o quarto posto, com 47 pontos, a seis do Sporting e com mais sete do que o Vitória de Guimarães.

Os 'arsenalistas' somaram, pela primeira vez esta época, três encontros consecutivos sem vencer no campeonato, depois das derrotas com FC Porto e Benfica, mantendo, contudo, o quarto posto, com 47 pontos, a seis do Sporting e com mais sete do que o Vitória de Guimarães.

Lusa

Os 'arsenalistas' somaram, pela primeira vez esta época, três encontros consecutivos sem vencer no campeonato, depois das derrotas com FC Porto e Benfica, mantendo, contudo, o quarto posto, com 47 pontos, a seis do Sporting e com mais sete do que o Vitória de Guimarães.

A Académica somou o oitavo jogo seguido sem perder e, desde a chegada de José Viterbo ao comando da equipa, conseguiu três vitórias e dois empates, isolando-se, provisoriamente, no 13.º posto, com 26 pontos, sete acima da zona de despromoção.
Lusa
  • Patti Smith engana-se na música de Bob Dylan durante cerimónia dos Nobel
    1:49

    Mundo

    Os prémios Nobel deste ano já foram entregues. Bob Dylan não compareceu à entrega do galardão da Literatura e fez-se representar pela amiga Patti Smith, que teve um bloqueio enquanto cantava "A Hard Rain's A-Gonna Fall" do músico. O Presidente da Colômbia Juan Manuel dos Santos foi distinguido com o Nobel da paz pelo acordo que alcançou com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia.

  • CIA acredita que Trump foi ajudado por piratas informáticos russos
    1:24

    Eleições EUA 2016

    As eleições nos Estados Unidos da América já terminaram e o Presidente está eleito. Contudo, Barack Obama quer saber se os russos tentaram mesmo influenciar o voto e ao mesmo tempo perceber o que os serviços secretos aprenderam com todas as fugas de informação durante a campanha. Já a CIA diz não ter dúvidas: para os serviços secretos norte-americanos, Donald Trump foi ajudado por piratas informáticos.