sicnot

Perfil

Desporto

Jorge Jesus acusa Lopetegui de tentar condicionar os árbitros

O treinador da equipa de futebol do Benfica, Jorge Jesus, disse que hoje o seu homólogo do FC Porto, Julen Lopetegui, está a tentar condicionar os árbitros e que os adversários só param os 'encarnados' recorrendo às faltas.

"Ele [Lopetegui] defende a sua dama. Mas é claro que há da parte dele uma tentativa de condicionamento dos árbitros. O Benfica tem uma forma de jogar que faz com que os nossos adversários só consigam parar-nos através de faltas", disse Jorge Jesus, quando confrontado com as críticas do treinador do FC Porto às arbitragens dos jogos do Benfica, ao considerar "desproporcionado" o número de expulsões dos adversários que defrontam o rival. (Arquivo)

"Ele [Lopetegui] defende a sua dama. Mas é claro que há da parte dele uma tentativa de condicionamento dos árbitros. O Benfica tem uma forma de jogar que faz com que os nossos adversários só consigam parar-nos através de faltas", disse Jorge Jesus, quando confrontado com as críticas do treinador do FC Porto às arbitragens dos jogos do Benfica, ao considerar "desproporcionado" o número de expulsões dos adversários que defrontam o rival. (Arquivo)

Lusa

"Ele [Lopetegui] defende a sua dama. Mas é claro que há da parte dele uma tentativa de condicionamento dos árbitros. O Benfica tem uma forma de jogar que faz com que os nossos adversários só consigam parar-nos através de faltas", disse Jorge Jesus, quando confrontado com as críticas do treinador do FC Porto às arbitragens dos jogos do Benfica, ao considerar "desproporcionado" o número de expulsões dos adversários que defrontam o rival.

O treinador dos 'encarnados' defendeu que os adversários do Benfica "têm de ser penalizados pelas faltas consecutivas" que cometem contra a sua equipa, "única forma de a parar", e que os árbitros "usam em 90 por cento dessas expulsões o mesmo critério disciplinar". 

De resto, Jesus justifica a necessidade dos adversários recorrerem à falta com "a qualidade de jogo do Benfica", e prevê que aqueles "vão continuar" a usar esse expediente e a sofrer "mais expulsões" porque "só assim param" a equipa 'encarnada'. 

"A maior parte das expulsões dos nossos adversários nos jogos contra o Benfica foram justas. Aliás, em 80 e 90 por cento desses jogos já estávamos a ganhar quando essas expulsões aconteceram", alegou Jorge Jesus, para quem o treinador do FC Porto está apenas a "defender a sua dama" ao procurar "fazer pressão sobre os árbitros".

Jesus reconheceu que "a pressão aumenta à medida que cada novo jogo é superado", quando faltam apenas nove jornadas para o final do campeonato, e que o objetivo do qual o Benfica "não se desviará é manter os quatro pontos de avanço" sobre o FC Porto, à medida que vai sentindo que "a meta está cada vez mais próxima". 

Sobre o jogo com o Rio Ave, da 26ª jornada, no sábado, para o campeonato, Jorge Jesus não tem dúvidas: "Vai ser um jogo difícil, porque vamos apanhar o Rio Ave supermotivado, como acontece com todos os adversários do Benfica. Já estamos habituados a isso. Aliás não há jogos fáceis, sobretudo fora do nosso estádio".
Lusa
  • Presidente da Proteção Civil demitiu-se

    País

    O Presidente da Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC), Joaquim Leitão, pediu esta quarta-feira a demissão com efeitos imediatos. A carta de demissão foi enviada para o Ministério da Administração Interna, no entanto, uma vez que a ministra também se demitiu, o documento seguiu para o gabinete do primeiro-ministro, António Costa.

  • Este foi provavelmente o melhor golo da noite de Liga Europa
    1:24
  • Vitória de Guimarães mais longe dos 16 avos de final
    1:48
  • O clube de amigos de António Costa

    Não me parece o melhor princípio político, mas percebo que António Costa queira ter junto de si, sobretudo em tempos difíceis, os mais próximos. Os homens de confiança pessoal e política. Em plena tempestade, o primeiro-ministro chamou dois amigos de longa data, ex-colegas da Faculdade de Direito, Eduardo Cabrita e Pedro Siza Vieira. E eles não disseram que não.

    Bernardo Ferrão

  • Fogos na Califórnia provocaram 42 mortos e perdas acima de mil milhões de dólares

    Mundo

    O comissário dos seguros da Califórnia afirmou esta quinta-feira que as perdas provocadas pelos incêndios que dizimaram extensas áreas deste Estado norte-americano excedem os mil milhões de dólares (844 milhões de euros). Estes incêndios, que começaram no condado de Sonoma County, já provocaram a morte a 42 pessoas no mês de outubro.

  • Quem está ao lado de Trump? Melania ou uma sósia?

    Mundo

    A especulação surgiu no Twitter: estaria Trump acompanhado de uma sósia de Melania para ocultar a ausência da mulher num evento oficial? A teoria da conspiração ganhou depois força nas redes sociais. Julgue por si mesmo.

    SIC

  • Norte-americano entrega-se após perder aposta com a polícia no Facebook

    Mundo

    Um jovem de 21 anos procurado pela polícia norte-americana entregou-se, esta segunda-feira, depois de perder uma aposta com a polícia, no Facebook. Michael Zaydel prometeu entregar-se se uma publicação sobre o seu desaparecimento chegasse às mil partilhas, na rede social. O jovem norte-americano prometeu ainda levar uma dúzia de donuts, caso os agentes da cidade de Redford conseguissem ganhar a aposta.

    SIC