sicnot

Perfil

Desporto

UEFA avisa sobreviventes da Liga dos Campeões contra pressões sobre árbitros

A UEFA avisou hoje as oito equipas dos quartos de final da Liga dos Campeões de futebol que evitem pressionar a arbitragem, prometendo sanções contra os prevaricadores.

© Action Images / Reuters

FC Porto, Bayern de Munique, Barcelona, Atlético de Madrid, Real Madrid, Juventus, Mónaco e Paris Saint-Germain estiveram reunidos na UEFA, em Nyon, Suíça, e ouviram as advertências do ex-árbitro Pierluigi Collina, agora responsável do organismo que rege o futebol europeu.

As recomendações chegaram depois de a UEFA punir o costa-marfinense Serge Aurirer do PSG por três jogos apos "atos insultuosos" para com um árbitro na eliminatória com o Chelsea.

O defesa não disputou o desafio da segunda mão, em Londres, com empate 2-2 (após prolongamento), mas fez comentários considerados impróprios no seu facebook sobre o árbitro Bjonr Kuipers em relação à expulsão do seu colega Zlatan Ibrahimovic.

A UEFA está preocupada com a crescente tendência de grupos de jogadores em torno dos árbitros após cada lance controverso, alguns deles com postura "agressiva".

"É algo que não aceitamos nem podemos aceitar e somos bem claros quanto a isso. Também temos de proteger os árbitros e respeitá-los. Deve ser algo interiorizado pelos jogadores", vincou o secretário-geral Gianni Infantino.

O italiano entende as "tensões em torno dos jogos", mas recorda que "o respeito pelo árbitro é a base de qualquer desafio".

Paralelamente, o responsável disse que a UEFA não apoia suplementar tecnologia de vídeo para apanhar erros de arbitragem, considerando que mais tecnologia não é a resposta.

Em causa a polémica do campeonato inglês em que Gareth McAuley, do West Bromwich Albion, foi expulso no lugar do seu colega Craig Dawson, que cometeu a falta na derrota por 3-0 com o Manchester City.

"Não haveria erro de identificação se houvesse adicionais árbitros assistentes, porque veriam imediatamente o que aconteceu e podem retificar todas as decisões. Para tudo o resto, tem muito a ver com o julgamento do árbitro e assim tem de continuar no futuro", justificou.

Lusa

  • Trump cria linha de apoio a vítimas de "extraterrestres criminosos"

    Mundo

    Quando o Governo norte-americano usa o termo "extraterrestre criminoso", refere-se a alguém que não é cidadão dos Estados Unidos da América e que foi condenado por um crime. Quando a mesma expressão é usada pelos utilizadores do Twitter, o significado é completamente diferente. Os internautas pensam na série Ficheiros Secretos e em discos voadores. Por isso, o lançamento de uma linha telefónica, por parte da Casa Branca, para as vítimas de "extraterrestres criminosos" só podia dar em confusão.

  • Casados há 69 anos, morrem de mãos dadas com 40 minutos de diferença

    Mundo

    Isaac Vatkin, de 91 anos, morreu cerca de 40 minutos depois de Teresa, de 89 anos, no passado sábado no Highland Park Hospital, no estado norte-americano Ilinóis. "Não queríamos que fossem embora, mas não podíamos pedir que partíssem de melhor maneira", afirmou o neto William Vatkin. O casal morreu no hospital poucos dias depois de celebrarem 69 anos de casados.