sicnot

Perfil

Desporto

Michel Platini direciona discurso da vitória para pedir perfeição à FIFA

O francês Michel Platini dirigiu hoje o seu discurso, pouco minutos depois de ser reeleito por aclamação presidente da UEFA, para a FIFA, pedindo perfeição ao organismo que gere o futebol mundial.

© Leonhard Foeger / Reuters

Platini, que hoje foi reconduzido, sem oposição, para o terceiro mandato à frente da UEFA, é automaticamente designado vice-presidente da FIFA, liderada pelo suíço Joseph Blatter, por inerência de funções.

Logo após ser eleito e receber os aplausos dos membros das 54 federações europeias, Platini dirigiu-se a uma plateia onde estava Joseph Blatter e falou das relações entre o organismo europeu e mundial.

"Sinceramente adoramos a FIFA. Toda a comunidade do futebol europeu adora a FIFA e é precisamente por a amarmos e respeitarmos que queremos que seja perfeita", salientou Platini, sem especificar em relação ao que falava.

A FIFA atravessa um período conturbado e de alguma contestação, face às polémicas em torno de alegadas ilegalidades nas atribuições dos mundiais da Rússia (2018) e do Qatar (2022) e terá eleições em maio.

Platini salientou que é vice-presidente da FIFA para mais quatro anos e que existem alguns que querem "isolar a arrogante e egoísta Europa", fazendo crer que FIFA e UEFA estão de costas voltadas.

"Não acreditem em tudo que é dito, alguns podem querer virar-nos uns contra os outros, dividir para reinar", salientou o francês, mas sem, uma vez mais, concretizar as acusações.

Um discurso no qual Platini aproveitou também para agradecer e congratular as federações europeias que permitiram candidaturas individuais à presidência da FIFA, à qual concorrem, além de Blatter, o português Luís Figo ou o holandês Michael Van Praag, além do jordano Ali bin Al Hussein.

"Num sistema fechado, no qual não se permitiria que se candidatasse alguém que não o presidente, vocês assumiram posições públicas e é um facto assinalável", referiu o responsável da UEFA.

Os três candidatos, além de Blatter, às eleições da FIFA receberam o apoio mínimo de cinco federações.

O ex-futebolista português Figo conta com o apoio oficial da Dinamarca, Montenegro, Polónia, Macedónia, Luxemburgo e Portugal.

"Parabéns a vocês (membros da UEFA), é um sinal de grande cultura democrática e espírito livre, que muitos nos devem invejar", concluiu o francês.

Lusa
  • Há companhias aéreas a contratar. TAP é uma delas
    1:28
  • Euforia e preocupação no Santiago de Bernabéu
    3:02
  • Leão de Ouro de Souto de Moura faz "muito bem à alma" dos portugueses
    1:53
  • "Sonho com um futuro melhor", o desejo de um jovem sírio em Portugal
    2:12

    País

    Mais de 50 jovens sírios chegaram esta madrugada a Lisboa, para iniciarem o novo ano letivo, em Portugal. Sonham com um futuro melhor. Sonham com uma educação melhor. Os 54 estudantes vieram ao abrigo do programa lançado pelo antigo Presidente da República, Jorge Sampaio, que nos últimos anos já deu uma nova oportunidade a cerca de 200 alunos.

  • Na linha do triunfo
    16:49
  • Chamas do incêndio no Europa Park na Alemanha atingiram os 15 metros de altura
    0:57