sicnot

Perfil

Desporto

Pepe integrado no treino da seleção portuguesa

O defesa Pepe, que trabalhou à parte durante toda a semana, apareceu hoje integrado no treino da seleção portuguesa de futebol, o penúltimo de preparação para o encontro frente à Sérvia, de qualificação para o Euro 2016.

ANTONIO COTRIM

No Estádio António Coimbra da Mota, no Estoril, o central português trabalhou pela primeira vez com os seus colegas de seleção, tendo efetuado os habituais exercícios de aquecimento, sem bola, nos primeiros 15 minutos do treino, a parte aberta à comunicação social.

No entanto, ainda não se sabe se Pepe estará para o encontro de domingo, que vai decorrer no Estádio da Luz, em Lisboa, e que, em caso de vitória, deixará Portugal no primeiro lugar do Grupo I e mais perto do apuramento direto.

Antes do treino, o selecionador Fernando Santos, que vai falhar o jogo devido à suspensão imposta pela FIFA, esteve alguns instantes à conversa com Cristiano Ronaldo.

O castigo não impede que Fernando Santos faça no sábado de antevisão do encontro com a Sérvia, numa conferência de imprensa que está agendada para as 15:00, no Estádio da Luz. Duas horas depois, às 17:00, Portugal realiza o último treino, novamente no Estádio António Coimbra da Mota, em que os primeiros 15 minutos serão abertos à comunicação social.

Portugal ocupa o segundo lugar do Grupo I, a um ponto da líder, a Dinamarca, que tem mais um jogo disputado, enquanto a Sérvia divide o último lugar do agrupamento com a Arménia, ambos com apenas um ponto.

A dois dias do jogo, já foram vendidos cerca de 50 mil bilhetes, num estádio com capacidade para 65 mil espetadores.

O encontro terá início às 19:45 e será arbitrado pelo italiano Gianluca Rocchi.

Lusa
  • Fuga de Vale de Judeus em junho de 1975 no Perdidos e Achados
    0:36

    Perdidos e Achados

    Prisão Vale de Judeus, final de tarde de domingo, dia 29 de junho de 1975. O plano da fuga terá sido desenhado por uma vintena de homens. Serrada a presiana metálica era preciso passar, para fora do edifício, as cabeceiras dos beliches onde os presos dormiam. Ao longo de cerca de uma hora 89 detidos, agentes da PIDE/DGS, a Polícia Internacional e de Defesa do Estado português extinta depois da revolução de 1974, fogem do estabelecimento prisional.

    Segunda-feira no Jornal da Noite