sicnot

Perfil

Desporto

José Mourinho afasta possibilidade de Diego Costa ser operado

O futebolista internacional espanhol Diego Costa não terá que ser operado para resolver a lesão num tendão do joelho, disse hoje o treinador português do Chelsea, José Mourinho.

© Action Images / Reuters

O técnico convocou o avançado, o melhor marcador na Liga inglesa, a par de Harry Kane, do Tottenham, ambos com 19 golos, para o jogo de sábado, em Stamford Bridge, frente ao Stoke City.

Diego Costa esteve nos últimos dias de fora dos jogos da seleção espanhola, com a Ucrânia (1-0), de qualificação para o Euro2016, e com a Holanda (derrota 2-0), em jogo particular, mas José Mourinho insistiu que o procedimento nos 'blues' é o melhor.

"Trabalhar como ele [Diego Costa] tem feito ao longo da época, com prevenção para fortalecer o músculo, mas ao mesmo tempo que tenha elasticidade e flexibilidade", sustentou o técnico português.

José Mourinho esclareceu que entende, juntamente com o departamento médico, que a operação é o último recurso para qualquer lesão, e que, por isso, estão a optar por uma via mais conservadora.

Na conferência, a um dia de receber o Stole City, o técnico defendeu que agora são quatro os candidatos ao título na Liga inglesa, com o Chelsea a contar na corrida com as duas equipas de Manchester (City e United) e com o Arsenal.

"Temos que dizer quatro agora, existe um fosso do quarto para o quinto [Liverpool, a quatro pontos] e com oito jogos para o final existe um caminho difícil do quinto ao primeiro", frisou Mourinho.

O Chelsea lidera o campeonato com 67 pontos e menos um jogo, seguido do Manchester City com 61, do Arsenal com 60 e do Manchester United com 59.

O treinador reconheceu que os 'blues' estão no bom caminho, mas referiu que ainda faltam seis vitórias e um empate, considerando ainda ser prematuro antecipar uma vitória na competição.








Lusa
  • Celebridades protestam contra Donald Trump
    3:00

    Mundo

    Tem sido assim desde a campanha e continua. Grande parte da comunidade de artistas não está nada contente com o Presidente eleito. Vários artistas aproveitaram o dia da tomada de posse para se reunirem em Nova Iorque e protestarem contra Donald Trump.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Encontrados dez sobreviventes no hotel engolido por um avalanche em Itália
    1:44
  • Videoclipe mostra mulheres a fazer tudo o que é proibido na Arábia Saudita
    1:55

    Mundo

    Um grupo de mulheres canta, dança e faz outras coisas proibidas na Arábia Saudita como forma de protesto. O vídeo é uma crítica social à forma como as mulheres islâmicas são tratadas pelos maridos. Na letra constam frases como "Faz com que os homens desapareçam da terra" e "Eles provocam-nos doenças psicológicas". A ideia partiu de um homem, Majed al-Esa e já conta com 5 milhões de visualizações.

    Patrícia Almeida