sicnot

Perfil

Desporto

Sporting empata em Paços de Ferreira

Galeria de fotos

O Sporting, terceiro classificado da I Liga, foi este sábado travado no terreno do Paços de Ferreira, com um empate a uma bola, em jogo da 27.ª jornada.

OCTAVIO PASSOS

OCTAVIO PASSOS

OCTAVIO PASSOS

OCTAVIO PASSOS/LUSA

OCTAVIO PASSOS

OCTAVIO PASSOS

OCTAVIO PASSOS

OCTAVIO PASSOS

Slimani inaugurou o marcador aos 30 minutos, mas o Paços de Ferreira respondeu à desvantagem e empatou por Rodrigo Galo, aos 75, um resultado que manteve a invencibilidade do técnico pacense Paulo Fonseca em encontros diante do Sporting.

Vasco Rocha e Sérgio Oliveira regressaram ao "onze" do Paços de Ferreira, em substituição de Diogo Jota e Diogo Rosado, enquanto os castigados Adrien e Paulo Oliveira foram rendidos na equipa inicial do Sporting por Tobias Figueiredo e André Martins.

O Sporting materializou a sua superioridade na primeira parte com um golo fácil do argelino Slimani, a emendar um centro de Nani da esquerda, após uma grande correria do internacional português, sem grande oposição dos locais, como aconteceu com frequência durante parte do encontro.

A colocação de João Mário nas costas de um Slimani muito móvel no ataque levou a uma atenção redobrada dos médios pacenses, com Manuel José por diversas vezes a compensar no meio, retirando elementos aos pacenses para saírem em contra-ataque.

William Carvalho, com André Martins por perto, segurava a progressão dos locais, preferencialmente pelo meio, enquanto Nani e Carrillo nas alas, bem apoiados pelos laterais, davam largura e profundidade ao ataque do Sporting, criando desequilíbrios e várias situações de golo.

João Mário e Tobias Figueiredo foram os primeiros a ameaçar o golo, já depois de dois avisos de Slimani, que, pouco depois, inaugurou o marcador, após trabalho de Nani.

A superioridade do Sporting era quase absoluta, beneficiando de alguns erros defensivos dos pacenses, pouco agressivos na marcação e com dificuldades para travarem a velocidade dos alas contrários, e Nani, aos 33 minutos, viu Fábio Cardoso, em esforço, negar-lhe o golo.

O Sporting manteve a pressão alta no segundo tempo, sempre na zona de construção dos locais, anulando quase todas as iniciativas dos pacenses, que continuavam a conceder espaços aos avançados contrários, mas João Mário e Carrilo, num espaço de um minuto, falharam, isolados, o segundo golo da formação orientada por Marco Silva.

O Paços melhorou com as entradas Hurtado e Minhoca, ganhando largura no ataque e velocidade de circulação da bola, e, mesmo sem pré-aviso, conseguiu chegar ao empate. João Mário perdeu a bola para Rodrigo Galo em zona proibida e o brasileiro largou uma 'bomba' à entrada da área de Rui Patrício.

Com 15 minutos para jogar, o Sporting intensificou o ataque, mas só por uma vez, aos 83 minutos, por Ewerton, esteve perto de desfazer o empate, que os pacenses, muito solidários, ajudaram a segurar.

Com este resultado, o Paços de Ferreira, agora com 37 pontos, cedeu o sexto lugar ao Belenenses, enquanto o Sporting manteve o terceiro, com 58, mas perdeu terreno para o Sporting de Braga (50), vencedor na receção ao Arouca, por 1-0.


Com Lusa
  • Atores recriam cena em que um homem é vítima de violência doméstica
    1:35
  • Ministério Público admite eventual detenção do presidente do governo da Catalunha
    2:24
  • Bispo vermelho

    "Recebia trabalhadores e sindicalistas, batia à porta de políticos e empresários, andava pelas ruas da cidade ao encontro dos que das ruas da cidade faziam casa". Joaquim Franco evoca Manuel Martins, o "bispo vermelho".

    Joaquim Franco

  • Apreendidos quase 7.000 comprimidos ilegais vendidos pela internet
    1:43

    País

    O Infarmed e a Autoridade Tributária apreenderam perto de 7.000 unidades de comprimidos ilegais.A apreensão aconteceu no âmbito de uma operação internacional da Interpol de combate aos medicamentos ilegais vendidos pela internet, explicou à SIC Luís Sande e Castro, diretor da Unidade de Inpeção do Infarmed.

  • Passageiro detido com 1 kg de ouro no reto

    Mundo

    Os funcionários da alfândega do aeroporto de Colombo, Sri Lanka, estranharam o comportamento de um passageiro que "caminhava com dificuldade". Um exame completo revelou a valiosa carga que levava escondida... no tubo intestinal.