sicnot

Perfil

Desporto

FC Porto goleia Estoril-Praia e mantém atraso de três pontos para o Benfica

O FC Porto goleou hoje em casa o Estoril-Praia, por 5-0, no jogo de encerramento da 27.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, e manteve os três pontos de atraso para o líder Benfica.

Lusa

Lusa

Frente aos 'canarinhos', com quem tinham empatado na primeira volta, os 'dragões' inauguraram o marcador aos 33 minutos pelo espanhol Óliver, seguindo-se os golos do camaronês Aboubakar (45+2), do português Ricardo Quaresma (52, de grande penalidade, e 78) e do brasileiro Danilo (70).

O FC Porto passou a somar 65 pontos, menos três do que o Benfica e mais oito do que o Sporting, enquanto o Estoril-Praia, que somou o nono encontro consecutivo sem vencer, segue no 13.º posto, com 28 pontos.











Lusa
  • Lopetegui destaca poderio ofensivo do FC Porto
    0:30

    Desporto

    O treinador do Estoril, Fabiano Soares, considerou justa a vitória do FC Porto, mas acredita que o Estoril foi prejudicado em dois lances que deram em golo. Quanto a Julen Lopetegui, salientou que os golos portistas foram o resultado do futebol atacante apresentado pela equipa, ao longo do jogo.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas.

  • Luaty Beirão agredido em manifestação em Luanda
    1:27

    Mundo

    Luanda tem sido palco de várias manifestações contra a forma como está a decorrer o processo eleitoral em Angola. Esta sexta-feira, uma dessas manifestações acabou em confrontos com as autoridades. Entre os manifestantes estava o ativista Luaty Beirão.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.