sicnot

Perfil

Desporto

Belenenses vence em Arouca e fica a um ponto do quinto lugar da Liga

O Belenenses venceu esta sexta-feira, fora, o Arouca, por 1-0, no jogo de abertura da 28.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, e colocou-se, provisoriamente, a um ponto do Vitória de Guimarães, quinto classificado.

Um golo do médio português Pelé (na imagem, à direita), aos 53 minutos, de grande penalidade, permitiu aos 'azuis', sextos classificados, passar a somar 42 pontos, menos um do Vitória de Guimarães, que ocupa um lugar de acesso à Liga Europa, e mais quatro do que o Paços de Ferreira, que tal como os vimaranenses, tem menos um jogo.

Um golo do médio português Pelé (na imagem, à direita), aos 53 minutos, de grande penalidade, permitiu aos 'azuis', sextos classificados, passar a somar 42 pontos, menos um do Vitória de Guimarães, que ocupa um lugar de acesso à Liga Europa, e mais quatro do que o Paços de Ferreira, que tal como os vimaranenses, tem menos um jogo.

Lusa

Um golo do médio português Pelé, aos 53 minutos, de grande penalidade, permitiu aos 'azuis', sextos classificados, passar a somar 42 pontos, menos um do Vitória de Guimarães, que ocupa um lugar de acesso à Liga Europa, e mais quatro do que o Paços de Ferreira, que tal como os vimaranenses, tem menos um jogo.

O Arouca mantém-se na 16.ª posição, com 23 pontos, quatro acima da zona de despromoção, na qual estão Gil Vicente (19) e Penafiel (18).
Lusa
  • Os números das eleições francesas
    0:50

    Eleições França 2017

    Os resultados definitivos mostram que Emmanuel Macron obteve 24% dos votos, na primeira volta das eleições francesas. Ficou quase três pontos à frente de Marine Le Pen, que conseguiu 21,3%. Os números oficiais, publicados pelo Ministério do Interior, dão ainda conta da taxa de abstenção: 22,2%, um ligeiro aumento face à primeira volta das presidenciais de 2012.

  • Estarão os portugueses a consumir vitamina D em excesso? 
    6:44
  • Investigadores criam nanovacina contra diferentes cancros

    Mundo

    Investigadores da Universidade do Texas, nos Estados Unidos, desenvolveram uma nanovacina (vacina administrada através de partículas microscópicas) contra diferentes cancros, como o da pele, do cólon e do reto, numa experiência com ratos, revela um estudo publicado esta segunda-feira.