sicnot

Perfil

Desporto

Messi reconhece que a temporada passada foi para esquecer

O futebolista argentino Lionel Messi admitiu hoje que a temporada passada foi complicada por motivos extradesportivos, pelas lesões e pelo seu rendimento, mas assegurou que este ano se sente "muito bem".

© Marcelo del Pozo / Reuters

Numa entrevista ao site do FC Barcelona, a estrela 'blaugrana' assumiu-se feliz, depois de no ano passado ter realizado "uma temporada irregular": "Vivi um ano muito complicado pelo que se passou fora do campo, pelas minhas lesões e pelo meu rendimento." 

"Estive muito tempo de fora, devido a lesões, e perdi muitos jogos. Quando voltei aos relvados nunca consegui sentir-me a 100 por cento. Foi um ano que tentei esquecer rápido para recuperar a minha melhor versão, graças à alegria, ao trabalho e ao esforço, e, felizmente, agora encontro-me bem", explicou Lionel Messi, que acredita que extraiu consequências positivas dessa experiência negativa. 

O argentino defende que o FC Barcelona não está dependente dos seus golos -- "Nunca pensei dessa maneira, nem me senti na obrigação de fazer golos, porque a equipa não ganhava" -- e elogiou os colegas Neymar e Luis Suárez, dois "grandes avançados" que os 'catalães' estão a "aproveitar muitíssimo". 











Lusa
  • As alterações na carta de condução que ajudam a poupar
    6:16
  • George H. Bush nos cuidados intensivos e mulher também hospitalizada

    Mundo

    O antigo Presidente dos Estados Unidos da América e a sua mulher estão hospitalizados em Houston, no Texas. George H. W. Bush foi admitido no sábado, devido a um problema respiratório derivado de pneumonia, enquanto Barbara Bush entrou esta quarta-feira no hospital, por sintomas de fadiga e tosse.

  • Nevão provocou corte de energia no centro dos EUA
    1:37

    Mundo

    Uma tempestade de neve no centro dos Estados Unidos da América provocou cortes no abastecimento de eletricidade, atrasos em voos e dificuldades na circulação rodoviária. Em Espanha, a descida das temperaturas levou à emissão de avisos em 30 províncias de norte a sul do país e deixou 27.700 alunos sem aulas em Valência.

  • Cadela sobrevive após engolir faca de cozinha

    Mundo

    Na Escócia, uma história de sobrevivência, no mínimo, bicuda. Uma cadela engoliu uma faca de cozinha com mais de 20 centímetros, manteve-a dentro de si durante algumas semanas mas sobreviveu, depois de ser operada de urgência..