sicnot

Perfil

Desporto

Imprensa internacional destaca que erros do Bayern ditam surpresa no Dragão

A imprensa internacional destaca esta quarta-feira que o FC Porto soube aproveitar os "graves erros defensivos" do Bayern Munique para vencer por 3-1 no Dragão, na primeira mão dos `quartos´ da Liga dos Campeões em futebol.

Jackson Martínez, que regressou à competição e à titularidade cinco semanas após se ter lesionado, fez o último golo do triunfo azul e branco.

Jackson Martínez, que regressou à competição e à titularidade cinco semanas após se ter lesionado, fez o último golo do triunfo azul e branco.

© Rafael Marchante / Reuters

Segunda o diário madrileno Marca, a formação lusa "castigou os graves erros defensivos" da formação bávara e deixou a equipa de Pep Guardiola "contra as cordas".

"Um Bayern sem defesa", titula a Marca, que faz ainda referência ao "duplo erro" do árbitro espanhol Velasco Carballo no lance do primeiro golo, ao não assinalar falta de Jackson sobre Xabi Alonso e não mostrar, depois de deixar jogar, o vermelho a Neuer, que carregou o colombiano.

Por seu lado, o também madrileno AS frisa que Quaresma e Jackson aproveitaram as "ofertas" do Bayern e lembra que "Danilo e Alex Sandro estão fora do jogo da segunda mão". 

Da Catalunha, o Sport diz que o FC Porto "aproveitou as ofertas do Bayern" para conseguir uma "grande surpresa" e "complicar a eliminatória para os de Guardiola".

O francês L'Equipe afirma que o "FC Porto conseguiu uma surpresa, ao vencer o Bayern por 3-1, com uma prestação coletiva notável", dando uma "lição" a uma formação alemã "diminuída e 'febril' defensivamente".

De Itália, a Gazzetta dello Sport lembra os "desastres em série" do Bayern e destaca um "super Quaresma", em alusão à exibição do ex-jogador do Inter de Milão, que 'bisou'.

O diário desportivo italiano destaca ainda os "erros gritantes de Xabi Alonso, Dante e Boateng", nos três tentos, mas lembra que o "golo de Thiago Alcantara deixa qualificação (do Bayern Munique) em aberto".

Na mesma linha, a inglesa BBC diz que "três erros defensivos do Bayern" selaram o triunfo do FC Porto, que "não está nas meias-finais desde 2004", perante uma formação germânica que "perdeu a invencibilidade em Portugal".

Também incisivo, o alemão Bild é claro: "Bayern oferece três golos ao FC Porto", titula, questionando se os bávaros serão capazes de recuperar na segunda mão.

O colombiano El Tiempo destaca por seu lado o 'seu' compatriota Jackson Martinez, lembrando que "marcou o terceiro golo e esteve na origem na grande penalidade que deu origem ao primeiro".
Lusa
  • Rui Patrício confirmado no Wolverhampton

    Desporto

    O Wolverhampton anunciou esta segunda-feira a contratação do guarda-redes Rui Patrício, depois da rescisão com o Sporting. O guarda-redes da seleção nacional assinou contrato com o clube inglês por quatro épocas.

    SIC

  • Novo treinador do Sporting diz que mulheres não estão preparadas para falar de futebol
    1:23
  • Salto de Cristiano Ronaldo inspira dança afro-beat

    Desporto

    Uma música humorística afro-beat, publicada nas redes sociais e inspirada nos saltos de Cristiano Ronaldo quando marca golos, está a ser replicada na internet com dezenas de coreografias filmadas, muitas das quais em França.

  • Ronaldo no País dos Sovietes: As religiões praticadas na Rússia
    1:55
  • "Estamos a plantar fósforos"
    2:09

    Opinião

    O calor regressou esta segunda-feira em força e no terreno estiveram quase 1300 bombeiros a combater 70 fogos por todo o país. Depois da tragédia de Pedrógão Grande, o Presidente da República diz que a consciência do país mudou mas é preciso fazer mais. Já Miguel Sousa Tavares diz que o país está mais preparado para combater os incêndios do que alguma vez esteve. No entanto, o comentador da SIC diz que já foram plantados mais de "2500 hectares de eucaliptos" desde Pedrógão e que enquanto isso acontecer Portugal vai continuar a arder. 

    Miguel Sousa Tavares

  • Merkel tem duas semanas para negociar solução para crise migratória

    Mundo

    A chanceler alemã tem duas semanas para negociar com os parceiros europeus uma solução para a questão migratória e assim evitar uma crise política. O ultimato foi dado pelo CSU, o partido da Baviera que integra a coligação governamental. Ao contrário de Angela Merkel, defende uma política para os refugiados mais estrita.

  • Pai de Meghan Markle lamenta ser "nota de rodapé" no casamento real
    2:03
  • Quando as crianças fazem das suas... os pais é que pagam

    Mundo

    Quando as crianças fazem das suas, restam os pais para as castigar ou, em alguns casos, para sofrer as consequências desses atos. Quem o pode dizer é um casal norte-americano, que recebeu uma fatura de 132 mil dólares (cerca de 114 mil euros), depois de o filho ter derrubado uma estátua num centro comunitário.

    SIC