sicnot

Perfil

Desporto

Michael Phelps regressa à competição com melhor tempo em eliminatórias nos EUA

O nadador norte-americano Michael Phelps, ganhador de 22 medalhas olímpicas, regressou esta quinta-feira à competição, alcançando o melhor tempo nas eliminatórias da prova de 100 metros mariposa das `Pro Swim Series´, em Mesa, nos Estados Unidos.

Após cumprir seis meses de suspensão com que foi sancionado em outubro depois de ter sido detido por conduzir sob o efeito do álcool, Phelps regressou à competição com uma marca de 52,92 segundos na prova. (Arquivo)

Após cumprir seis meses de suspensão com que foi sancionado em outubro depois de ter sido detido por conduzir sob o efeito do álcool, Phelps regressou à competição com uma marca de 52,92 segundos na prova. (Arquivo)

© USA Today Sports / Reuters

Após cumprir seis meses de suspensão com que foi sancionado em outubro depois de ter sido detido por conduzir sob o efeito do álcool, Phelps regressou à competição com uma marca de 52,92 segundos na prova.

"Foi bonito regressar, porque a espera foi longa. Estava verdadeiramente ávido de voltar à água", comentou o nadador.

Phelps admitiu ainda pela primeira vez o seu desejo de participar nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro em 2016.

O múltiplo campeão olímpico foi preso a 30 de setembro do ano passado no seu estado natal, Maryland, e acusado de conduzir sob a influência de álcool.

Tratou-se da segunda vez que Phelps foi preso com esta acusação -- a primeira foi aos 19 anos, pouco depois de ter conquistado oito medalhas em Atenas2004 (seis ouros, dois bronzes).

O norte-americano, que colecionou 18 ouros olímpicos, retirou-se da competição depois de Londres2012, mas regressou aos treinos no início deste ano.
Lusa
  • Governo enfrenta vaga de contestação
    2:35

    Economia

    O Governo enfrenta uma onda de contestação. Guardas prisionais, procuradores, professores, médicos e enfermeiros descontentes ameaçam com greves nos diferentes setores, já nos meses de março e abril.

  • Proposta criação de 77 mil empregos através de uma descida da TSU
    1:23
  • Bastonário dos médicos diz que a classe deixou de acreditar no ministro da Saúde
    2:24

    País

    Desde Março do ano passado que perto de mil médicos especialistas aguardam colocação nos hospitais. O concurso, prometido várias vezes pelo ministro da Saúde, não abriu ainda por falta de autorização do Ministério das Finanças. Amanhã, quinta-feira, um grupo destes médicos vai à Assembleia da República entregar uma carta que entretanto já seguiu para os ministros da Saúde e Finanças.

  • 296 mortos em 2 dias de bombardeamentos em Ghouta Oriental
    2:16
  • Tiroteio na Florida foi o 18.º registado em meio escolar nos EUA desde janeiro
    1:25