sicnot

Perfil

Desporto

Uma centena de atletas portugueses apurados para os Jogos Europeus

Portugal tem uma centena de atletas apurados para os Jogos Europeus, que decorrem em junho em Baku, número que ainda pode aumentar em função de possíveis desistências de outros países, anunciou hoje o Comité Olímpico de Portugal.

(Arquivo)

(Arquivo)

SIC

A centena foi atingida depois de uma recolocação de vagas ter permitido mais uma entrada no judo.

Os atletas portugueses, cujos nomes só serão conhecidos no final do mês, data-limite para as inscrições, vão competir em 14 da 20 modalidades do programa.

Portugal estará representado nas modalidades de badminton, canoagem, ciclismo, futebol de praia, ginástica, judo, karaté, lutas amadores, natação, taekwondo, ténis de mesa, tiro, tiro com armas de caça e triatlo.

No grupo de 20 modalidades, 16 integram o programa dos Jogos Olímpicos Rio2016 e em 12 destas os Jogos Europeus, que decorrem entre 12 e 28 de junho, serão de extrema importância para o apuramento olímpico, de forma direta ou indireta.

No caso do ténis de mesa, tiro e triatlo, os vencedores de cada uma das provas garante um lugar nos Jogos Olímpicos.

No atletismo, boxe, ciclismo, judo, lutas amadoras, natação, taekwondo, tiro com arco e voleibol, os atletas poderão obter pontos para as classificações mundiais que determinam o apuramento.

No âmbito dos Jogos Europeus, o judo e as lutas amadoras vão disputar em Baku os respetivos campeonatos europeus.

A competição, que deverá juntar cerca de 6.000 atletas de 50 países, é composta por 253 eventos, que decorrerão em 18 locais.

Lusa
  • MIT quer humanos a ajudar máquinas a decidir (quem morre)

    Mundo

    A "Máquina Moral" é uma plataforma online que recolhe a perspetiva humana em decisões que terão de ser tomadas por uma máquina. Por exemplo, quando um carro sem condutor se depara com o dilema do mal menor: em quem acertar - para evitar outros - num acidente de viação.

  • Daesh transforma drones em bombardeiros 

    Daesh

    As estratégias de combate do Daesh têm vindo a sofrer alterações, bem como a capacidade das forças militares iraquianas para confrontar e derrotar o inimigo. De acordo com o responsável do Exército dos EUA Brett Sylvia, comandante militar no Iraque, a tática mais recente desenvolvida pelo Daesh consiste em usar drones de uso comercial em pequenos bombardeiros, capazes de transportar e lançar granadas.