sicnot

Perfil

Desporto

Proibição de partilha de passes de futebolistas em vigor contra a vontade Ibérica

Cinco meses depois de ter sido anunciada pela FIFA, entra hoje em vigor a proibição de partilha de passes de futebolistas com terceiros, decisão que já motivou uma queixa das ligas portuguesa e espanhola à Comissão Europeia.

© Marcelo Del Pozo / Reuters

Tomada após várias pressões da UEFA e de grandes clubes europeus, nomeadamente ingleses, a medida vai vigorar a partir de sexta-feira, mas prevê duas exceções: os acordos já existentes devem ser mantidos até ao fim do prazo e os novos acordos celebrados entre 01 de janeiro e 30 de abril de 2015 estarão limitados à duração máxima de um ano. 

A norma proíbe que empresários e grupos de investimento possam deter qualquer percentagem nos passes económicos dos jogadores, tornando os clubes nos únicos detentores.

Portugal e Espanha e vários países da América do Sul poderão ser bastante afetados pela medida, tendo as duas ligas ibéricas de futebol apresentado já uma queixa junto Comissão Europeia.

As ligas portuguesa e espanhola consideram que a decisão da FIFA "contraria as normas de proteção e concorrência do Tratado de Funcionamento da União Europeia, além das liberdades fundamentais de estabelecimento, prestação de serviços, trabalho e circulação de capitais".

Portugal e Espanha entendem que a proibição enfraquece os campeonatos dos dois países e "restringe a liberdade económica de clubes, jogadores e terceiros, sem nenhuma justificação ou proporcionalidade (...), prejudicando os clubes, principalmente, aqueles com menores recursos económicos".

O português Jorge Mendes, um dos empresários mais influentes do mundo, considerou recentemente que a medida "é totalmente ilegal" e "deve preocupar o futebol português", devido aos baixos orçamentos dos clubes lusos.

"Um fundo é apenas a necessidade de um clube de se financiar. Toda esta imagem que se criou em torno desta história não tem sentido nenhum", comentou o empresário.

O Sporting foi o único dos três 'grandes' do futebol português a mostrar-se favorável à medida, tendo mesmo protagonizado um 'braço de ferro' com o fundo Doyen, com o qual rescindiu todos os contratos.

Na base da decisão esteve a transferência do argentino Marcos Rojo, do qual a empresa de fundos detinha 75% do passe, para o Manchester United.

O presidente 'leonino' acusou na altura a empresa Doyen Sports de ter feito pressões para o Sporting negociar a venda do argentino ao Manchester.

Num caso que ainda decorre na justiça desportiva, o Sporting reclama o pagamento de uma indemnização de mais de 10 milhões de euros, enquanto a Doyen exige o pagamento de 75% dos direitos económicos do jogador, cerca de 16 milhões de euros.

Benfica e FC Porto já se manifestaram contra a medida, com os 'encarnados' a considerarem-na "ilegal e injusta" e os 'azuis e brancos' a entenderem que a mesma apenas "serve os interesses dos clubes e ligas ricos e dos multimilionários que querem investir no futebol".

Um estudo realizado em 2013 pela consultora KPMG, a pedido da Associação Europeia de Clubes de Futebol, sobre o peso que representam os fundos no mercado europeu de futebol, atribuiu um valor que oscila entre os 723 e os 1.107 milhões de euros aplicados nos passes de jogadores com intervenção da "Third Party Ownership" (TPO).

Segundo o mesmo relatório, a influência dos fundos no total da liga portuguesa oscilava entre os 27% e os 36%, num valor entre os 231 e os 303 milhões de euros.

Portugal era, segundo o estudo, o país europeu que mais recorria a fundos para comprar atletas, sendo que entre 40 a 70 jogadores da I Liga tinham o seu passe disperso, pertença de empresários, fundos e clubes.

  • Militar ferido com gravidade em acidente com Pandur
    1:19

    País

    O acidente em Vila Real que envolveu uma viatura militar fez três feridos. Uma das vítimas ficou em estado grave e teve de ser transportada de helicóptero para o Hospital Santo António do Porto. O militar ficou encarcerado no veículo blindado, o que dificultou os trabalhos de socorro.

  • Ricardo Salgado constituído arguido e interrogado no DCIAP
    2:46

    Operação Marquês

    O ex-presidente do BES está a ser ouvido no DCIAP, a responder às questões do procurador Rosário Teixeira e do inspetor da Autoridade Tributária Paulo Silva. Têm sido levantadas dúvidas quanto ao dinheiro em contas de Carlos Santos Silva, amigo de José Sócrates, e suspeita-se que grande parte desses 20 milhões de euros tenham vindo de sociedades com ligação ao grupo Espírito Santo.

  • Bebé nasce na Ucrânia com ADN de três pais

    Mundo

    Nasceu a 5 de janeiro, na Ucrânia, uma menina filha de um casal infértil graças à ajuda de uma nova técnica de fertilização in vitro, que conta com a colaboração de uma terceira pessoa. De acordo com o britânico The Times, os médicos utilizaram pela primeira vez um método denominado transferência pronuclear. Esta não é, contudo, a primeira vez que nasce um bebé com ADN de três progenitores.

  • CIA desvenda segredos de quase 50 anos de História

    Mundo

    A CIA publicou online quase 12 milhões de documentos confidenciais. Basta uma ligação à Internet para navegar por entre 50 anos de relatórios outrora secretos. Entre os milhões de páginas, estão documentos sobre um eventual assassínio de Fidel Castro, detalhes sobre os crimes de guerra nazis, relatórios sobre avistamentos de OVNI e um estudo sobre telepatia denominado "Projeto Star Gate".