sicnot

Perfil

Desporto

Guardiola avisa Barcelona que regressa a casa para apurar o Bayern Munique

O treinador Pep Guardiola avisou hoje que não volta a Barcelona para ser homenageado, mas para fazer o seu trabalho, tentando qualificar o Bayern Munique para a final da Liga dos Campeões de futebol.

© Reuters Staff / Reuters

"Não estou aqui para receber uma homenagem. Venho fazer o meu trabalho: apurar o Bayern para a final da Liga dos Campeões", sintetizou o técnico que levou o conjunto catalão a dois títulos de campeão da Europa e do Mundo, duas supertaças europeias e três campeonatos de Espanha. 

Guardiola acredita que será "bem recebido, como sempre" que voltou a Camp Nou, que vê como a sua casa, mas também está ciente de que "quando a bola começar a rolar", na quarta-feira, será tratado "como qualquer treinador rival".

"É inevitável e têm de entender. Não é um jogo normal para mim. Mas isso não me desviou nem um minuto quanto ao que tenho de fazer para o preparar", vincou o técnico, em conferência de imprensa de antevisão do encontro da primeira mão.

Na sua opinião, a forma de o preparar é continuar a privilegiar a posse de bola, embora reconheça que quarta-feira será mais complicado manter o estilo.

Ainda assim, esse será o caminho, caso contrário, entende que isso não seria bom para a sua credibilidade, face à mensagem que tem passado nos últimos anos. 

Sabendo que não pode contar com Robben nem Ribery, lesionados, enquanto o ponta de lança Lewandowski ainda está em dúvida, Guardiola assume a 'dor de cabeça' provocada pelo valor de Messi: "não se pode parar, não há sistema defensivo ou treinador [que o consiga], é demasiado bom", afirmou o catalão sobre o argentino.

O treinador do Barcelona, Luis Enrique, desvalorizou as baixas no adversário, considerando que o conjunto bávaro não se ressente muito com a sua ausência.

"O Bayern é uma equipa suficientemente forte para sentir as baixas. Tiveram esse problema durante muitos meses, mas o seu perigo é o mesmo", justificou, assumindo "muito respeito" pelo rival.

Luis Enrique nega qualquer motivação extra no seu grupo de trabalho por ir defrontar o seu antigo treinador, de quem espera "surpresas que podem complicar a vida" ao Barcelona.

"Vamos defrontar uma das melhores equipas da Europa e que tem um estilo diferente desde que chegou o Pep Guardiola. Tentaremos jogar da mesma forma, tanto em casa como fora. Faremos o mesmo que toda a época. Estes jogos decidem-se nos detalhes", frisou.

Quarta-feira, o Barcelona disputa o primeiro de sete jogos que podem permitir-lhe o 'triplete' (Liga dos Campeões, campeonato e Taça do Rei), que pode decidir o sucesso da época.










Lusa
  • SIC faz-se à estrada para ouvir eleitores
    2:13
  • Furacão Maria ameaça Ilhas Virgens e Porto Rico

    Mundo

    O furacão Maria "potencialmente catastrófico" está a ameaçar as Ilhas Virgens e o Porto Rico, depois de esta terça-feira ter semeado a destruição na Dominica e provocado um morto e dois desaparecidos na ilha francesa de Guadalupe.

  • Pistolas Nerf podem causar graves lesões nos olhos

    Mundo

    As balas das pistolas Nerf, quando atingem os olhos, podem causar graves lesões. O aviso é de um grupo de médicos de Londres, que recomenda a utilização de óculos protetores e o aumento da idade mínima para a utilização dos brinquedos.

    SIC

  • Investigadores descobrem como transformar gordura "má" em gordura "boa"

    Mundo

    Uma equipa de investigadores da Universidade de Washington, Estados Unidos, descobriu como converter a gordura corporal "má" em gordura "boa", permitindo queimar mais calorias e atrasar o aumento de peso, num estudo conduzido em ratos. Estes resultados abrem caminho para a possibilidade de desenvolver tratamentos mais eficazes para a obesidade e para a diabetes associada ao aumento de peso em pessoas, segundo os autores.

  • Escola na Croácia usa imagem de Melania Trump para chamar alunos

    Mundo

    "Imagine até onde pode ir com um pouco de inglês", foi com estas palavras que uma escola de inglês da Croácia decidiu promover as suas aulas, juntando ainda a fotografia de Melania Trump ao placard do anúncio. Agora, a primeira-dama norte-americana ameaça levar o Instituo Americki a tribunal. Entretanto, o placard já foi retirado do local.

    SIC