sicnot

Perfil

Desporto

Real Madrid e Juventus abrem meias-finais da Liga dos Campeões

O Real Madrid, campeão em título, e a Juventus abrem hoje as meias-finais da Liga dos Campeões de futebol, naquele que será o 17.º confronto entre as duas equipas na mais importante prova de clubes europeia.

(Reuters/ Arquivo)

(Reuters/ Arquivo)

© Reuters Staff / Reuters

Apesar de uma ligeira vantagem do Real Madrid, o confronto direto entre as duas equipas é extremamente equilibrado, com os 'merengues' a terem oito triunfos, um empate e sete derrotas, com 18 marcados e 16 sofridos.

Para a primeira mão das meias-finais, as duas equipas apresentam-se com algumas baixas, com o francês Pogba a ser a principal na Juventus e o seu compatriota Benzema e o croata Modric a desfalcarem o Real Madrid.

Com Cristiano Ronaldo, Pepe e Fábio Coentrão entre os convocados, o Real Madrid procura a segunda vitória em Turim na sua história, depois de em 1962 Di Stéfano ter dado o triunfo nos quartos de final aos 'blancos'.

A Juventus tenta regressar à final da Liga dos Campeões 12 anos depois da derrota com o AC Milan, tendo conquistado por duas vezes o título europeu, em 1984/85 e 1995/96.

O Real Madrid, 10 vezes campeão europeu, tenta acabar com a maldição dos campeões e revalidar o título, algo que nunca aconteceu desde a criação da 'Champions'.

Na primeira mão da outra meia-final, agendada para quarta-feira, o FC Barcelona recebe o Bayern Munique, responsável pela eliminação do FC Porto nos quartos de final.


Lusa
  • Os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa
    1:55
  • BCE autoriza CGD a avançar com recapitalização

    Caso CGD

    A Caixa Geral de Depósitos informou esta sexta-feira que vai prosseguir com as operações da primeira fase do aumento de capital, depois de ter obtido autorização para isso junto do Banco Central Europeu (BCE) e do Banco de Portugal.

  • Condutores apanhados a mais de 200 em corridas ilegais na Ponte Vasco da Gama
    1:25
  • A história da guerra em Alepo
    7:43
  • Reino Unido em alerta máximo de terrorismo

    Mundo

    O Reino Unido elevou o alerta de terrorismo para o nível máximo depois das declarações, esta quinta-feira, do chefe das secretas britânicas. O diretor do MI6 está preocupado com eventuais ataques contra o Reino Unido e outros aliados.

  • Uma "cidade fantasma" na Letónia
    3:10
  • O anúncio de natal que está a emocionar o mundo
    1:47