sicnot

Perfil

Desporto

Hospital comunica que Pelé foi operado à próstata

O antigo jogador de futebol brasileiro Pelé foi operado à próstata, comunicou hoje o Hospital Albert Einstein, em São Paulo, acrescentando que a situação do "rei" é estável.

Mark Lennihan

Segundo o boletim médico, Pelé, de 74 anos, foi submetido a uma resseção transuretral da próstata, procedimento que consiste na remoção parcial ou total da próstata e que requer alguns dias de internamento.

O hospital não confirmou a data em que se realizou a operação, mas alguns meios de comunicação indicam que a intervenção aconteceu na terça-feira e tinha como objetivo corrigir uma hiperplasia, padecimento caraterizado por um aumento da próstata, que pode causar retenção de urina.

Em novembro do ano passado, Pelé foi internado no mesmo hospital após uma indisposição estomacal, tendo sido então operado a cálculos renais.

Dias depois, o ex-futebolista brasileiro deu novamente entrada no hospital Albert Einstein com uma infeção urinária com complicação renal, tendo sido colocado na unidade de cuidados intensivos, na qual passou cinco dias, em estado considerado grave.

Há três anos, o mais famoso futebolista de sempre e três vezes campeão do Mundo, já esteve internado no mesmo hospital, para uma cirurgia na anca. Na cirurgia, retiraram-lhe parte do osso e colocaram uma prótese de titânio e cerâmica.

Pelé é o único jogador que venceu por três vezes o Mundial: conseguiu-o em 1958, na Suécia, em 1962, no Chile, e em 1970, no México.

Lusa
  • Quando se pode circular pela esquerda? A GNR explica (e fiscaliza)
    5:46

    Edição da Manhã

    A regra aplica-se a autoestradas e outras vias com esse perfil mas dentro das localidades há exceções. A Guarda Nacional Republicana está a promover em todo o território nacional várias ações de sensibilização e fiscalização no sentido de prevenir e reprimir a circulação de veículos pela via do meio ou da esquerda quando não exista tráfego nas vias da direita. O major Paulo Gomes, da GNR, esteve na Edição da Manhã. 

  • O pedido de desculpas de Dijsselbloem
    2:12

    Mundo

    O Governo português continua a mostrar a indignação que diz sentir perante as declarações do presidente do Eurogrupo. O ministro dos Negócios Estrangeiros português garante que com Dijsselbloem "não há conversa possível". Jeroen Dijsselbloem começou por recusar pedir desculpa mas depois cedeu perante a onda de indignação.

  • A primeira vez do Sr. Árbitro
    12:41