sicnot

Perfil

Desporto

Ancelotti vê Real Madrid " perto de entrar para a história" na Liga dos Campeões

Carlo Ancelotti, treinador do Real Madrid, acredita na recuperação ante a Juventus, na segunda mão da meia-final da Liga dos Campeões de futebol, e diz que os 'merengues' estão "perto de entrar para a história".

© Reuters Staff / Reuters

Na conferência de imprensa de véspera do jogo, que se disputa em Madrid, Ancelotti fez questão de marcar o espírito positivo da equipa, mesmo depois de praticamente ter perdido a Liga espanhola, mas o técnico rival, Massimiliano Allegri, também crê no apuramento e garante que não vai jogar à defesa no jogo de quarta-feira, ao que os italianos chegam com uma vantagem de 2-1.

Da Liga espanhola, nem uma palavra, por parte de Ancelloti, a dar o mote de total concentração na 'Champions': "Vejo uma equipa concentrada, com vontade de ganhar uma meia-final para voltar a ter oportunidade de jogar uma final desta competição. É um momento importante da época, muito perto de entrar para a história desta competição, já que nenhuma equipa jogou duas finais seguidas".

"Temos de estar tranquilos e concentrados, é isso que vou pedir aos meus jogadores: concentração. Porque temos uma motivação tão grande e vontade incrível de jogar outra final, o mais importante é estar tranquilo, a tranquilidade leva-te a dar o máximo", disse ainda.

Ancelotti garante que já tem o 'onze' decidido mas preferiu não o revelar, só falando publicamente da dúvida entre o francês Benzema, regressado à equipa, "mas ainda não a cem por cento", ou o mexicano Chicharito.

"É a dúvida que tenho, colocar um jogador que recuperou bem de um problema mas não joga há um mês, mas que pode dar qualidade na primeira parte, ou utilizá-lo na segunda parte, em que o ritmo já é mais baixo", explicou, a propósito de Benzema.

Quanto a Massimiliano Allegri, treinador da Juventus, anunciou que Paul Pogba vai ser titular, com o médio francês a ter "uma oportunidade para mostrar o que vale". Desta forma, o treinador da 'Juve' prescinde de voltar a jogar com cinco defesas, como fez em Turim. 

"Na primeira mão foi uma boa ideia jogar com Sturari, porque fazia falta um jogador com essas caraterísticas. Agora, Pogba está bem e é muito provável que jogue desde o primeiro minuto, disse o técnico, em conferência de imprensa.

Allegri voltou a dizer que não acredita que o jogo acabe sem golos: "É difícil que acabe empatado a zero, penso que vamos sofrer golos mas também espero que nós o façamos. Este é um jogo que não pode ser gerido pelo resultado da primeira mão, com eles é impossível", disse.

"Quanto mais tivermos a bola, menos oportunidades de marcar lhes daremos. Teremos de ser melhores do que na primeira mão, enfrentamos jogadores de grande velocidade de execução. Há que ser muito bons para entender e interpretar o jogo", acrescentou.







Lusa
  • António Costa evita perguntas sobre estágios não remunerados
    1:55
  • "É evidente que não fecho a porta ao Eurogrupo"
    1:38

    Economia

    O ministro das Finanças diz que não fecha a porta ao Eurogrupo. A declaração é feita numa entrevista ao semanário Expresso. No entanto, Mário Centeno deixa a ressalva que qualquer ministro das Finanças do Eurogrupo pode ser presidente.

  • Trump adia decisão sobre permanência nos acordos de Paris
    1:48
  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14