sicnot

Perfil

Desporto

Juiz de Madrid leva presidente e ex-presidente do Barcelona a julgamento no caso Neymar

Um juiz do tribunal de Madrid decidiu esta quarta-feira levar a julgamento o Barcelona e o seu presidente, Josep Maria Bartomeu, no âmbito do 'caso Neymar', em relação a uma alegada fraude na transferência do futebolista.

A decisão foi tomada pelo juiz José de la Mata, que entendeu existir motivo para levar a tribunal Bartomeu, o seu antecessor Sandro Rosell e o clube, suspeitos de pagarem mais pela contratação do jogador do que aquilo que declararam ao fisco.

A decisão foi tomada pelo juiz José de la Mata, que entendeu existir motivo para levar a tribunal Bartomeu, o seu antecessor Sandro Rosell e o clube, suspeitos de pagarem mais pela contratação do jogador do que aquilo que declararam ao fisco.

© Reuters Staff / Reuters

A decisão foi tomada pelo juiz José de la Mata, que entendeu existir motivo para levar a tribunal Bartomeu, o seu antecessor Sandro Rosell e o clube, suspeitos de pagarem mais pela contratação do jogador do que aquilo que declararam ao fisco.

Estima-se que o clube catalão tenha defraudado o fisco em cerca de 13 milhões de euros.

A procuradoria pede dois anos e três meses de prisão para Josep Maria Bartomeu, por delito fiscal no exercício de 2014, e sete anos e seis meses para Rosell, por mais dois delitos fiscais em 2011 e 2013.

O Barcelona é acusado na soma dos delitos nos três anos e é exigido que o clube pague ao fisco espanhol 11,4 milhões de euros, em modo compensatório, de indemnização por responsabilidade civil.

É também pedido que os catalães paguem 22,2 milhões de euros de multa, e que Rosell pague 25,1 e Bartomeu 3,8 milhões de euros.

Por outro lado, também a autoridade tributária pede uma pena de dois anos e três meses de prisão para Bartomeu e de seis anos e nove meses para Rosell, por crimes fiscais na contratação do internacional brasileiro.
Lusa
  • Queda de avioneta em Espanha causa 4 mortos

    Mundo

    Uma avioneta com destino a Cascais, em que seguia uma família de quatro pessoas - dois adultos e dois menores - caiu em Sotillo de las Palomas, em Toledo, Espanha.

    Em desenvolvimento

  • Um discurso histórico com os pedidos de sempre
    2:30

    País

    Jerónimo de Sousa voltou este domingo a pedir a renegociação da dívida e a saída de Portugal do euro. Num discurso historicamente curto, apenas 15 minutos, no encerramento do Congresso do PCP, o reeleito secretário-geral comunista anunciou que o aumento dos salários e a reversão das alterações à legislação laboral são duas prioridades para os próximos tempos.

  • Mais de 50 milhões de italianos decidem futuro do país
    1:43

    Mundo

    Este domingo, está nas mãos de mais de 50 milhões de eleitores italianos o futuro do país. Mais do que um voto à reforma constitucional, o referendo terá consequências políticas diretas no Governo italiano. As urnas fecham às 23h00, 22h00 em Lisboa. Os primeiros resultados são esperados meia hora depois.