sicnot

Perfil

Desporto

Guarda-redes Brad Friedel abandona os relvados aos 44 anos

O veterano guarda-redes norte-americano Brad Friedel vai terminar a carreira futebolística no final da temporada, anunciou esta quinta-feira o Tottenham, no seu sítio oficial na Internet.

Com 82 internacionalizações, Friedel, de 43 anos, vai abandonar o futebol profissional, depois de ter alinhado em clubes como Newcastle, Brondby, Galatasaray, Colombus Crew, Liverpool, Blackburn Rovers, Aston Villa e Tottenham. (Arquivo)

Com 82 internacionalizações, Friedel, de 43 anos, vai abandonar o futebol profissional, depois de ter alinhado em clubes como Newcastle, Brondby, Galatasaray, Colombus Crew, Liverpool, Blackburn Rovers, Aston Villa e Tottenham. (Arquivo)

© Darren Staples / Reuters

Com 82 internacionalizações, Friedel, de 43 anos, vai abandonar o futebol profissional, depois de ter alinhado em clubes como Newcastle, Brondby, Galatasaray, Colombus Crew, Liverpool, Blackburn Rovers, Aston Villa e Tottenham.

"Vou sentir falta do contacto diário com treinadores e jogadores. Realmente, não há nada como isso, mas o meu 44.º aniversário está aí e eu penso que é uma boa altura para esta decisão", afirmou Friedel, que completa 44 anos na próxima segunda-feira.

O norte-americano chegou a White Hart Lane em 2011, mas foi relegado para o banco na época seguinte pelo francês Hugo Lloris.

"Estou incrivelmente orgulhoso do que alcancei durante a minha carreira. Quando comecei este percurso, nunca imaginei que fosse tão longo, joguei 23 temporadas e representei clubes incríveis", referiu Friedel, que se vai tornar comentador de futebol da estação televisiva norte-americana Fox Sports e embaixador dos 'spurs' nos Estados Unidos, onde pretende concluir a formação de treinador.

Friedel, que integrou as seleções norte-americanas nos Mundiais de 1994, 1998 e 2002, detém o recorde de mais jogos como titular na Liga inglesa consecutivos, com 310 jogos iniciados ao serviço de Blackburn, Aston Villa e Tottenham.
Lusa
  • Primeiro-ministro admite que retatório sobre Tancos possa ser "fabricado"
    2:06

    País

    O primeiro-ministro garante que o relatório divulgado pelo expresso sobre o desaparecimento de armas em Tancos não é de nenhum organismo oficial e admite até que possa ser fabricado. Costa critica ainda o líder do PSD por comentado uma notícia que não confirmou. As Forças Armadas também negaram a existência de qualquer relatório sobre Tancos que o Expresso reafirma existir e ser verdadeiro.

  • Primeiro-ministro admite que retatório sobre Tancos possa ser "fabricado"
    2:06

    País

    O primeiro-ministro garante que o relatório divulgado pelo expresso sobre o desaparecimento de armas em Tancos não é de nenhum organismo oficial e admite até que possa ser fabricado. Costa critica ainda o líder do PSD por comentado uma notícia que não confirmou. As Forças Armadas também negaram a existência de qualquer relatório sobre Tancos que o Expresso reafirma existir e ser verdadeiro.

  • Militares tentam acabar com guerra entre traficantes na Rocinha, Rio de Janeiro
    3:07

    Mundo

    As últimas horas têm sido de tensão no Rio de Janeiro depois dos tiroteios que começaram desde que uma das principais favelas da cidade foi ocupada por militares na sexta-feira. As forças federais foram acionadas para auxiliarem a polícia, que há vários dias tenta acabar com a guerra entre fações de traficantes de droga.

  • Irão lança míssil de médio alcance
    1:13

    Mundo

    Três dias depois do discurso hostil de Donald Trump nas Nações Unidas, o Irão testou um novo míssil de médio alcance que atingiu uma altura de dois mil quilómetros. Teerão diz que o teste não viola o acordo nuclear.

  • Atrás das Câmaras em Pedrógão Grande
    3:37
    Atrás das Câmaras

    Atrás das Câmaras

    DIARIAMENTE NA SIC E SIC NOTÍCIAS

    A carrinha do "Atrás das Câmaras" continua pelo país a mostrar aquilo que alguns políticos ignoram. Este sábado a equipa da SIC esteve em Pedrógão Grande, 99 dias após o incêndio que fez 64 mortos e 200 feridos.

  • Morreu Charles Bradley, uma das lendas do soul

    Cultura

    O cantor Charles Bradley morreu este sábado aos 68 anos. O músico norte-americano foi diagnosticado com cancro no ano passado. A notícia da morte foi confirmada na página oficial do cantor no Facebook.