sicnot

Perfil

Desporto

Joseph Blatter desmente ser alvo de investigação por parte do FBI

O presidente da FIFA, Joseph Blatter, reafirmou hoje que não está a ser alvo de uma investigação por parte do FBI e que, caso entendesse, poderia deslocar-se aos Estados Unidos, país que tenciona visitar em 2016.

© Hannibal Hanschke / Reuters

"Todos sabemos que decorre nos Estados Unidos uma investigação que implica pessoas relacionadas com a FIFA, mas não é nada pessoal contra mim e, caso queira, poderei visitar o país", afirmou.

Blatter desmente assim um documentário transmitido esta semana pela estação de televisão ESPN, no qual se afirma que o suíço tem evitado visitar o país desde 2011, precisamente por estar a ser alvo de uma investigação da polícia federal norte-americana que envolve corrupção.

"Existem relações internacionais. Se eles quisessem realmente falar comigo já o tinham feito", acrescentou.

Segundo o documentário, os serviços secretos norte-americanos estão a investigar os antigos membros da Confederação da América do Norte, Central e das Caraíbas (CONCACAF) Jack Warner, da Trinidade e Tobago, e Chuck Blazer, dos Estados Unidos, ambos membros do comité executivo da FIFA.

O presidente da FIFA adiantou ainda que tem agendada uma visita aos Estados Unidos, tendo em vista a presença na 100.ª edição da Copa América, a realizar em junho de 2016, que excecionalmente contará com a presença de seleções de outros continentes.

Aos 79 anos, Blatter procura um novo mandato (quinto) na presidência do organismo que regula o futebol mundial, sendo considerado o favorito à vitória nas eleições do próximo dia 29 de maio, nas quais tem como oponentes o ex-futebolista português Luís Figo, o príncipe Ali bin Al Hussein, da Jordânia, vice-presidente do organismo para a Ásia, e Michael van Praag, líder da federação holandesa.







Lusa
  • Vários mortos em avalancha em Itália

    Mundo

    Várias pessoas morreram numa avalanche que atingiu um hotel numa estação de esqui na montanha de Gran Sasso, Itália. As equipas de socorro conseguiram resgatar duas pessoas, mas admitem ainda a existência de quase 30 mortos.

    Em desenvolvimento

  • Mortágua acusa PSD de andar a brincar com a vida das pessoas
    0:47

    Opinião

    No Esquerda/Direita da SIC Notícias, António Leitão Amaro reafirmou ontem à noite que o PSD não é contra o aumento do salário mínimo mas contra a descida da TSU. Já Mariana Mortágua acusou os sociais-democratas de andar a brincar com a vida dos portugueses.

  • Temperaturas negativas congelam rio em Bragança
    1:26

    País

    As baixas temperaturas os últimos dois dias, com as mínimas a descer até aos 10 graus negativos durante a noite e madrugada, congelaram o rio que atravessa a aldeia de Gimonde, no concelho de Bragança. O repórter da SIC João Faiões esteve esta manhã no local.

  • Pelo menos 30 mortos e 75 feridos em incêndio e derrocada de edifício em Teerão

    Mundo

    Pelo menos 30 bombeiros morreram esta quinta-feira e cerca de 75 pessoas ficaram feridas em Teerão, quando um edifício de 17 andares ruiu depois de ser consumido pelas chamas, noticiaram os meios de comunicação estatais iranianos. O edifício "Plasco" situa-se no centro da capital iraniana, a norte da zona do mercado.

    Em desenvolvimento

  • Os finalistas do Carro do Ano 2017 são...
    0:53

    Economia

    São sete os escolhidos pelos jurados do Carro do Ano, iniciativa do Expresso e da SIC Notícias. À final chegaram o Citroen C3 Pure Tech, o Hyundai IONIQ Hybrid Tech, da Kia o novo modelo Optima Sportwagon 1.7 CRDi GT Line, o Peugeot 3008 Allure 1.6 BlueHdi, o Renault Mégane Sport Tourer Energy dCI, o SEAT Ateca 1.6 TDI CR Style e ainda o Volvo V90.

  • Feriado no Carnaval e fim das pontes chumbados
    2:15

    País

    Nem o Carnaval vai passar a ser feriado, nem as pontes vão acabar. O PS rejeitou esta quarta-feira no Parlamento uma proposta do PSD para que os feriados a meio da semana sejam gozados na segunda-feira seguinte. Ao mesmo tempo, os socialistas recusaram duas propostas apoiadas pelos partidos de esquerda, para que o Carnaval passasse a ser sempre feriado.

  • As alterações na carta de condução que ajudam a poupar
    6:16