sicnot

Perfil

Desporto

Joseph Blatter desmente ser alvo de investigação por parte do FBI

O presidente da FIFA, Joseph Blatter, reafirmou hoje que não está a ser alvo de uma investigação por parte do FBI e que, caso entendesse, poderia deslocar-se aos Estados Unidos, país que tenciona visitar em 2016.

© Hannibal Hanschke / Reuters

"Todos sabemos que decorre nos Estados Unidos uma investigação que implica pessoas relacionadas com a FIFA, mas não é nada pessoal contra mim e, caso queira, poderei visitar o país", afirmou.

Blatter desmente assim um documentário transmitido esta semana pela estação de televisão ESPN, no qual se afirma que o suíço tem evitado visitar o país desde 2011, precisamente por estar a ser alvo de uma investigação da polícia federal norte-americana que envolve corrupção.

"Existem relações internacionais. Se eles quisessem realmente falar comigo já o tinham feito", acrescentou.

Segundo o documentário, os serviços secretos norte-americanos estão a investigar os antigos membros da Confederação da América do Norte, Central e das Caraíbas (CONCACAF) Jack Warner, da Trinidade e Tobago, e Chuck Blazer, dos Estados Unidos, ambos membros do comité executivo da FIFA.

O presidente da FIFA adiantou ainda que tem agendada uma visita aos Estados Unidos, tendo em vista a presença na 100.ª edição da Copa América, a realizar em junho de 2016, que excecionalmente contará com a presença de seleções de outros continentes.

Aos 79 anos, Blatter procura um novo mandato (quinto) na presidência do organismo que regula o futebol mundial, sendo considerado o favorito à vitória nas eleições do próximo dia 29 de maio, nas quais tem como oponentes o ex-futebolista português Luís Figo, o príncipe Ali bin Al Hussein, da Jordânia, vice-presidente do organismo para a Ásia, e Michael van Praag, líder da federação holandesa.







Lusa
  • Mulher enterrada viva no Brasil
    1:13

    Mundo

    Uma mulher de 37 anos terá sido enterrada viva no oeste da Bahia, no Brasil. A certidão de óbito aponta um choque séptico como a causa da morte, mas os ferimentos com que foi encontrada no interior do caixão indicam um possível erro. Os moradores de casas vizinhas do cemitério municipal onde Rosângela dos Santos foi enterrada ouviram gritos vindos do túmulo.

  • António Guterres, "o governante mais amado desde sempre em democracia"
    2:27

    País

    António Guterres foi distinguido com o grau de honoris causa pela Universidade de Lisboa. A cerimónia decorreu esta manhã e contou com a presença do Presidente da República e do primeiro-ministro. Marcelo Rebelo de Sousa sublinhou que Guterres foi o governante mais amado da democracia portuguesa.