sicnot

Perfil

Desporto

Auto da PSP diz que adepto teve comportamento hostil e cuspiu no agente

Injúrias, ameaças, um comportamento hostil e uma cuspidela na cara. É desta forma que o subcomissário da PSP envolvido no incidente em Guimarães justifica as bastonadas num adepto do Benfica, que estava acompanhado pelos filhos menores e pelo pai.

CMTV

O auto da PSP, a que o Expresso teve acesso, foi escrito pelo agente envolvido no incidente e refere que o homem agredido tentou aproveitar-se do facto de estar a ser filmado e do porte físico para dificultar a detenção. O relatório diz ainda que o homem foi informado de que poderia ser prestado auxílio às crianças, mas que ignorou as ajudas propostas. 

O homem agredido pelo polícia já foi ouvido em tribunal no âmbito do processo de inquérito aberto pelo Ministério Público. 

À saída, José Magalhães recusou as acusações de que terá ofendido e cuspido no agente da PSP e admite agora apresentar queixa.