sicnot

Perfil

Desporto

Benfica será cabeça de série da Liga dos Campeões 2015/16

O Benfica será um dos oito cabeças de série no sorteio da fase de grupos da Liga dos Campeões 2015/16 em futebol, juntamente com Barcelona, Chelsea, Bayern, Juventus, Paris Saint-Germain, Zenit e PSV, informou esta segunda-feira a UEFA.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Pierre Albouy / Reuters

Estas oito equipas farão parte do primeiro pote do sorteio da Liga dos Campeões, que decorrerá no Mónaco no dia 28 de agosto, na sequência das alterações introduzidas na definição dos cabeças de série por proposta feita em 2014 pelo Comité de Competições da UEFA, posteriormente aprovado pelo Comité Executivo. 

A alteração, já incluída nos regulamentos do torneio para a temporada 2015/16, considera como cabeças de série os sete campeões nacionais das Ligas das sete federações com melhor coeficiente do futebol europeu: Espanha, Inglaterra, Alemanha, Itália, Portugal, França e Rússia. 

O oitavo cabeça de série seria o detentor do troféu, mas, uma vez que tanto o Barcelona como a Juventus, os dois finalistas da atual edição, venceram a Liga espanhola e italiana, respetivamente, a UEFA irá incluir no pote 1 o PSV Eindhoven, campeão holandês, que faz parte da oitava federação do ranking da UEFA.

Até aqui a repartição das equipas pelos potes era feita em função dos coeficientes de cada equipa, baseados nos resultados de cada clube nas últimas cinco épocas quer na Liga dos Campeões quer na Liga Europa.
  • Manuel Delgado demitiu-se devido a "grave violação da privacidade"

    País

    O ex-secretário de Estado da Saúde diz que apresentou a demissão para "não perturbar nem criar qualquer tipo de embaraço ao normal funcionamento do Governo". Num comunicado, Manuel Delgado esclarece que foi remunerado pelo trabalho de consultor na Raríssimas "muito antes" da entrada no Governo e acrescenta que respeitou na íntegra todo o quadro legal e ético.

  • O que vai mudar nos recibos verdes
    2:55

    Economia

    Os trabalhadores independentes vão descontar menos para a Segurança Social já no próximo ano. A taxa vai descer dos 29,6% por cento para os 21,4%. A descida será compensada por um aumento das contribuições pagas pelos patrões. Há também alterações em caso de desemprego e o subsídio de doença passa a ser pago ao fim de 10 dias em vez de 31.

  • Tripulantes da TAP acusam companhia de desrespeitar compromissos
    3:16

    Economia

    O Sindicato que representa os tripulantes da TAP acusa a empresa de estar a violar a lei. A companhia aérea portuguesa denunciou unilateralmente o acordo de empresa com os tripulantes e apresentou novas condições, que o sindicato considera indignas. Diz que os tripulantes fizeram esforços pela companhia no verão e que agora estão a ser desrespeitados.

  • Uma "Árvore da Esperança" pelas vítimas dos fogos
    2:01
  • Bebé nasce com coração fora do peito e sobrevive
    2:06
  • Zapatou volta a eleger os melhores vídeos da internet
    6:28