sicnot

Perfil

Desporto

Vitória diz que adeptos do Benfica causaram prejuízos superiores a 100 mil euros

O prejuízo provocado pelos adeptos do Benfica, domingo, após o jogo com o Vitória de Guimarães, que lhe valeu o bicampeonato de futebol, deve ascender a mais de 100 mil euros, disse esta segunda-feira à agência Lusa fonte vitoriana.

Os adeptos 'encarnados' destruíram e queimaram parcialmente três casas de banho da bancada inferior do topo norte, vandalizaram e assaltaram o bar aí instalado - "levaram cerca de 4800 euros" -, assim como o armazém do material desportivo, arrancaram ou partiram dezenas de cadeiras, além de terem agredido dois funcionários do Vitória.

Os adeptos 'encarnados' destruíram e queimaram parcialmente três casas de banho da bancada inferior do topo norte, vandalizaram e assaltaram o bar aí instalado - "levaram cerca de 4800 euros" -, assim como o armazém do material desportivo, arrancaram ou partiram dezenas de cadeiras, além de terem agredido dois funcionários do Vitória.

© Miguel Vidal / Reuters

Segundo o vice-presidente do Vitória de Guimarães para a área do património, Armando Marques, o balanço da destruição da bancada norte do estádio D. Afonso Henriques ainda está a decorrer, assim como a respetiva investigação policial, mas os prejuízos serão avultados. 

"Várias dezenas de milhares de euros, seguramente ultrapassa os 100 mil euros", disse à Lusa.

Os adeptos 'encarnados' destruíram e queimaram parcialmente três casas de banho da bancada inferior do topo norte, vandalizaram e assaltaram o bar aí instalado - "levaram cerca de 4800 euros" -, assim como o armazém do material desportivo, arrancaram ou partiram dezenas de cadeiras, além de terem agredido dois funcionários do Vitória.

"Só em bolas [de futebol] são mais de 20.000 euros [de prejuízo]. Levaram umas 160, cada uma custa cerca de 150 euros, fora fatos de treino, camisolas, malas", lamentou.

O dirigente revelou ainda que o presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, foi colocado ao corrente do sucedido ainda no domingo e prontamente se "disponibilizou para pagar os prejuízos".
Lusa
  • Autarca e duas jornalistas mortas a tiro na Finlândia 

    Mundo

    A presidente da Câmara de Imatra, na Finlândia, e duas jornalistas foram mortas a tiro na noite passada, na pequena cidade do sudeste do país. O incidente aconteceu junto a um restaurante e a polícia chegou ao local pouco depois dos disparos. Um suspeito de 23 anos já foi detido.

  • Avião da Qatar Airways aterra de emergência nas Lajes
    0:47

    País

    Aterrou de emergência nos Açores, esta manhã, um avião da Qatar Airways. A turbulência obrigou à manobra que causou pelo menos 10 feridos nos passageiro do avião que fazia ligação de Washington para Doha, capital do Qatar, e foi desviado para a base aérea das Lajes.

  • Óscar do turismo para empresa que gere património de Sintra
    1:51

    Cultura

    A Parques de Sintra ganhou, pelo quarto ano consecutivo, os World Travel Awards na categoria de "Melhor Empresa de Conservação do Mundo". A empresa portuguesa, que gere monumentos, parques e jardins situados na zona da Paisagem Cultural de Sintra e em Queluz, voltou a ser a única nomeada europeia na categoria, e foi a vencedora entre candidatos de todo o mundo.

  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.