sicnot

Perfil

Desporto

Benfica vai ser patrocinado pela Emirates nos próximos três anos

O Benfica assinou hoje um acordo de patrocínio de três anos com a Emirates, uma das maiores companhias aéreas do mundo, cujo nome passará a figurar nas camisolas da equipa de futebol, sem divulgar o valor envolvido.

Lusa

"É um bom acordo tanto para o Benfica como para a Emirates", afirmou o presidente do clube, Luís Filipe Vieira, quando questionado sobre o valor do patrocínio, que durará até final da época 2017/2018.

Luís Filipe Vieira lembrou que a assinatura surge "num momento particularmente feliz para o clube", que há dois dias se sagrou bicampeão português de futebol.

"Este é um acordo que nos projeta a nível global", disse, acrescentando: "O Benfica passa a fazer parte de uma restrita elite mundial".

O presidente do Benfica deixou um agradecimento público à PT, patrocinadora do clube há mais de 10 anos. 

Tim Clark, presidente da companhia aérea sedeada nos Emirados Árabes Unidos, afirmou que a "força da equipa do Benfica é uma das razões da parceria".

No final da cerimónia, que decorreu numa das bancadas do estádio da Luz e contou com a presença de quase todo o plantel da formação 'encarnada', foi exibida uma camisola gigante, já com o nome do novo patrocinador.

Em julho do ano passado, a Emirates tornou-se na companhia aérea oficial do Benfica e passou a patrocinar o futebol de formação da equipa lisboeta, por um valor que também não foi revelado.

A Emirates é patrocinadora de vários clubes europeus, entre os quais o Real Madrid, o AC Milan e o Paris Saint-Germain.

  • Outros casos de fuga de prisões portuguesas
    2:58

    País

    Nos últimos cinco anos, 52 reclusos fugiram de cadeias portuguesas, mas foram todos recapturados. Entre 1999 e 2009, fugiram oito reclusos da prisão de Caxias. Em 2005, um homem condenado a 21 anos de prisão fugiu de Coimbra, viajando por França e pela Polónia. Manuel Simões acabou por ser detido no regresso a Portugal.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.