sicnot

Perfil

Desporto

Gastão Elias passa à terceira e última ronda do qualifying de Roland Garros

O português Gastão Elias, 155.º do 'ranking' mundial, alcançou hoje a terceira e última ronda do torneio de qualificação para Roland Garros, segundo 'Grand Slam' de ténis da temporada, que começa oficialmente a 24 de maio.

(Arquivo)

(Arquivo)

Lusa

O número dois português superiorizou-se ao argentino Guido Pella, número 114 da hierarquia e 13.º cabeça de série do 'qualifying' masculino, em três 'sets', pelos parciais de 7-5, 5-7 e 7-5.

No confronto decisivo, Gastão Elias, que procura a segunda presença no quadro principal de Roland Garros, depois de 2014, vai defrontar outro argentino, Facundo Arguello, classificado no lugar 139 do 'ranking' mundial.

Até ao momento, Elias venceu o único embate com Arguello no circuito, quando ganhou ao argentino nos quartos de final do 'challenger' de São Paulo de 2014. 
  • Obrigada a vir dos EUA, de 3 em 3 semanas, para ver o filho
    2:00

    País

    O episódio de hoje de Vidas Suspensas envolve uma médica dentista norte-americana e um empresário português. Um exemplo do que acontece a muitos portugueses que casam com estrangeiros: quando se divorciam, coloca-se a questão de saber para que país vão os filhos.

    Hoje na SIC

  • "Não era o jogo ideal para estreia do videoárbitro"
    4:50
  • Tubarão com 2,7 metros salta para dentro de barco e ataca pescador

    Mundo

    Um australiano foi atacado por um tubarão branco quando estava a pescar na sua embarcação, em Evan Heads, Nova Gales do Sul, na costa Este da Austrália. O animal, com cerca de 200 quilos e 2,7 metros de comprimento, saltou para dentro do barco, derrubou o pescador e mordeu-lhe no braço.

    SIC

  • Uma em cada dez crianças já foi vítima de cyberbullying
    10:41
  • "Sou Presidente de uma pátria com os melhores bombeiros do mundo"
    1:20

    País

    O Presidente da Liga dos Bombeiros, Jaime Marta Soares, avisou este domingo o Governo de que os bombeiros admitem usar o machado da paz para fazer a guerra. Marcelo Rebelo de Sousa destacou o orgulho que sente em ser "Presidente de uma pátria que tem os melhores bombeiros do mundo".