sicnot

Perfil

Desporto

Rali de Portugal arranca hoje com superespecial em Lousada

O Rali de Portugal arranca hoje com uma superespecial 3,36 quilómetros, em Lousada, que a partir das 19:00 vai definir a primeira hierarquia da quinta prova do Campeonato do Mundo, liderado por Sébastien Ogier (Volkswagen). 

© Toby Melville / Reuters

O francês, vencedor das três primeiras provas -- Monte Carlo, Suécia e México -, chega a Portugal para tentar dar continuidade ao seu domínio, depois do fracasso no Rali da Argentina, onde problemas mecânicos o afastaram da luta pela vitória e onde a Volkswagen falhou um pódio pela primeira vez em 20 ralis. 

 
 

Apesar disso, o bicampeão do mundo mantém uma margem confortável em relação ao segundo classificado, somando 84 pontos contra os 51 do norueguês Mads Ostberg (Citroen), segundo no México e na Argentina, enquanto Andreas Mikkelsen (Volkswagen), também da Noruega, é o terceiro, tem 47. 

 
 

Depois de o britânico Kris Meeke ter dado a primeira vitória da Citroen em quase dois anos, ao ganhar na Argentina, Ogier procura repor a 'ordem natural' e vai em busca do seu quinto triunfo no rali português, o que lhe permitiria igualar o recorde do finlandês Markku Allen. 

 
 

Neste regresso à região norte, após uma década no Algarve, o rali terá pouco mais de 350 quilómetros cronometrados, divididos em 16 provas especiais de classificação, e prolonga-se até domingo. 

 
 

Com 96 inscritos, o rali não é pontuável para o Campeonato Nacional, mas terá a presença do atual campeão, Pedro Meireles, um dos quatro pilotos que fará a estreia absoluta do Skoda Fabia R5, e de Bernardo Sousa, que inicia a sua participação no Mundial na classe WRC2, ao volante de um Peugeot 208 T16. 

 

 uma superespecial 3,36 quilómetros, em Lousada, que a partir das 19:00 vai definir a primeira hierarquia da quinta prova do Campeonato do Mundo, liderado por Sébastien Ogier (Volkswagen). 

 

O francês, vencedor das três primeiras provas -- Monte Carlo, Suécia e México -, chega a Portugal para tentar dar continuidade ao seu domínio, depois do fracasso no Rali da Argentina, onde problemas mecânicos o afastaram da luta pela vitória e onde a Volkswagen falhou um pódio pela primeira vez em 20 ralis. 

 
 

Apesar disso, o bicampeão do mundo mantém uma margem confortável em relação ao segundo classificado, somando 84 pontos contra os 51 do norueguês Mads Ostberg (Citroen), segundo no México e na Argentina, enquanto Andreas Mikkelsen (Volkswagen), também da Noruega, é o terceiro, tem 47. 

 
 

Depois de o britânico Kris Meeke ter dado a primeira vitória da Citroen em quase dois anos, ao ganhar na Argentina, Ogier procura repor a 'ordem natural' e vai em busca do seu quinto triunfo no rali português, o que lhe permitiria igualar o recorde do finlandês Markku Allen. 

 
 

Neste regresso à região norte, após uma década no Algarve, o rali terá pouco mais de 350 quilómetros cronometrados, divididos em 16 provas especiais de classificação, e prolonga-se até domingo. 

 
 

Com 96 inscritos, o rali não é pontuável para o Campeonato Nacional, mas terá a presença do atual campeão, Pedro Meireles, um dos quatro pilotos que fará a estreia absoluta do Skoda Fabia R5, e de Bernardo Sousa, que inicia a sua participação no Mundial na classe WRC2, ao volante de um Peugeot 208 T16.


Lusa

  • Encontrado corpo de mariscador desaparecido no Barreiro

    País

    O corpo do homem com cerca de 50 anos apareceu esta manhã junto ao Clube Naval do Barreiro, na mesma zona onde tinha desaparecido na noite deste sábado. A informação já foi confirmada à SIC pela Polícia Marítima, que adiantou que o corpo já foi levado para a morgue. O alerta foi dado por volta das 22:30 de ontem pelos companheiros de nacionalidade chinesa que estavam com a vítima na apanha de bivalves na margem sul do Tejo.

  • Mais de duas mil pessoas retiradas do fogo junto ao parque Doñana, no Sul de Espanha

    Mundo

    O incêndio florestal começou ainda na noite deste sábado na aldeia de Las Peñuelas de Moguer, na província de Huelva e obrigou à evacuação de várias localidades e à retirada de mais de duas mil pessoas, de vários alojamentos turísticos (incluindo o Parador de Mazagon, dois parques de campismo e um hotel). Foi ainda ativado o plano de emergência da província.

  • Portugal "precisa avançar no trabalho" para reduzir crédito malparado
    1:36

    Economia

    Bruxelas recomenda e insiste que o Governo português avance no trabalho para resolver o crédito malparado. Em entrevista à SIC e ao Expresso, o vice-Presidente da Comissão para o Euro e Estabilidade Financeira, Valdis Dombrovskis, adianta que Bruxelas está também a preparar um Plano de Ação ao nível europeu.

    Entrevista SIC/Expresso

  • Líder do Daesh abatido durante fuga

    Daesh

    Um líder do Daesh e o assistente foram abatidos pela polícia iraquiana, em Mossul. A notícia é avançada pela agência EFE que esclarece que os dois homens terão sido mortos enquanto fugiam do Oeste para Este da cidade iraquiana através do rio Tigre.