sicnot

Perfil

Desporto

Simão Sabrosa reafirma que é complicado voltar a jogar futebol

O extremo internacional português Simão Sabrosa reafirmou hoje que, após um ano sem competir, será difícil voltar a jogar, e por isso está tentado a abandonar a carreira, embora não o deseje.

Simão Sabrosa diz não ter qualquer problema com o antigo treinador do Espanol de Barcelona, mas que "agora a equipa está melhor" (AP/Arquivo)

Simão Sabrosa diz não ter qualquer problema com o antigo treinador do Espanol de Barcelona, mas que "agora a equipa está melhor" (AP/Arquivo)

Armando Franca

"Eu não deixei o futebol. O futebol é que me deixou a mim. É uma realidade, eu não estava preparado. (...) Estou mais tentado a abandonar a carreira, mas não quero fechar, pois sinto-me bem fisicamente. Sei que em Portugal e na Europa um jogador com mais de 30 anos já está velho. Não quero fechar, não é fácil", explicou.

À margem da apresentação da Danone Nations Cup, torneio de futebol juvenil disputado por crianças dos 10 aos 12 anos, o antigo internacional português, que é um dos embaixadores do torneio, mostrou ser complicado voltar depois "de uma temporada sem competir", mas que aproveitou para se dedicar à família.

"É complicado depois de estar uma temporada sem competir, não tive realmente propostas que me levassem a sair de Portugal, estou a aproveitar este ano para ver para aonde me quero direcionar e estou a aproveitar para a família e para mim", disse.

Simão Sabrosa, numa rápida análise à sua carreira reiterou a vontade de ter terminado a carreira no Benfica, mas nunca culpa ninguém por não ter regressado, depois de ter passado por Atlético de Madrid, Besiktas e Espanyol, o seu último clube.

"Gostaria de ter voltado e ter acabado no Benfica, mas eu sempre disse que se tivesse de voltar ao Benfica teria de ter condições para ajudar e não ser mais um. Jamais culpo treinador ou presidente por eu não ter voltado ao Benfica. Houve conversas, mas não se concretizou", referiu o jogador que, apesar de ter sido formado no Sporting, assumiu ser benfiquista.

"Eu sou benfiquista, a partir do momento em que me tratam mal no Sporting e bem no Benfica, e depois de tudo o que vivi no Benfica, sou benfiquista, mas no domingo [na final da Taça de Portugal, entre Sporting e Braga] que ganhe o melhor", reiterou.

O antigo capitão do Benfica deu os parabéns às 'águias' pela conquista do segundo campeonato consecutivo, bem como ao treinador Jorge Jesus, que na sua opinião Simão deve continuar no comando dos 'encarnados'.

"[Jorge Jesus] tem feito um trabalho exemplar, muito bom, tem ganhado títulos e construído uma equipa à sua imagem. Trabalha imenso os trabalhos táticos e está de parabéns. O que ele fez no Benfica não é fácil", disse.

Simão, que pontualmente envergou a braçadeira de capitão na seleção portuguesa, mostrou-se feliz com a presença de Fernando Santos como selecionador nacional, que para o futebolista "tem feito um bom trabalho".

"Estou feliz pela aposta em Fernando Santos, é um treinador que está a fazer um bom trabalho e as coisas estão a correr muito bem. Vai ter um jogo difícil, aliás todos são difíceis, mas de certeza que vai estar no europeu e de certeza que vai fazer um bom campeonato", concluiu.








Lusa
  • Prisão preventiva para marroquino suspeito de apoiar o Daesh

    País

    O juiz do Tribunal Central de Instrução Criminal impôs esta quinta-feira prisão preventiva ao cidadão marroquino, detido na Alemanha e entregue a Portugal, suspeito de adesão e apoio ao grupo extremista Daesh e recrutamento e financiamento ao terrorismo.

  • "A isto chama-se pura hipocrisia"
    1:13

    Caso CGD

    Pedro Passos Coelho classifica a atuação do Governo na gestão da Caixa Geral de Depósitos como um "manual de cinismo político insuportável", declarações feitas pelo líder do PSD durante a reunião do Conselho Nacional em Lisboa.

  • O momento em que Trump quis ser um camionista

    Mundo

    O Presidente norte-americano Donald Trump reuniu-se esta quinta-feira com representantes da indústria de camionagem. Não é apenas do encontro que lhe falamos, mas principalmente da invulgar receção feita por Trump, que entrou para um camião, fingiu que o conduzia e buzinou... em pleno jardim da Casa Branca.

  • FBI investiga possível campanha de espiões russos contra Hillary
    0:57

    Mundo

    A suspeita de ligação entre a equipa de Donald Trump e operacionais russos está a aumentar. A CNN diz que a equipa do Presidente do Estados Unidos da América se coordenou com os russos para atingir Hillary Clinton. O FBI está a investigar registos telefónicos, de viagens, relatórios e transações para offshores.

  • Mais de 20 milhões estão a morrer à fome em África

    Mundo

    África enfrenta a maior crise desde 1945, com mais de 20 milhões de pessoas a morrer de fome em três países, Sudão do Sul, Somália e Nigéria, disse esta quinta-feira um responsável do Programa Alimentar Mundial das Nações Unidas.

  • Jovem violada em direto no Facebook não se sente em segurança

    Mundo

    A jovem de 15 anos que foi abusada sexualmente por cinco ou seis homens durante um vídeo em direto para o Facebook está a receber tratamento. A mãe da jovem deu uma entrevista, na qual disse que a filha já não se sente em segurança na sua vizinhança, depois de receber ameaças na internet.

  • Menina "rouba" chapéu ao Papa
    0:27

    Mundo

    Estella Westrick tem apenas três anos, mas já conseguiu chegar aos jornais de todo o mundo, depois de "roubar" o chapéu do Papa. Durante uma visita da família na quarta-feira ao Vaticano, a criança - que não parece estar muito contente no vídeo - foi pegada ao colo por um dos funcionários do Vaticano, que a levou depois até ao Papa. Nesta altura, Estella aproveitou para tirar o solidéu episcopal, arrancando gargalhadas de toda a gente, especialmente do Papa Francisco.

  • O edifício mais longo do mundo

    Mundo

    Se pensa que já viu tudo em relação aos edifícios mais longos e complexos do mundo, pense duas vezes. O edifício mais longo do mundo pode estar prestes a chegar e promete fazer de Nova Iorque uma cidade ainda mais atrativa.