sicnot

Perfil

Desporto

Arsenal bate Aston Villa e torna-se recordista de triunfos na Taça de Inglaterra

O Arsenal revalidou hoje o título na Taça de Inglaterra de futebol, ao vencer por 4-0 na final o Aston Villa, tornando-se o clube com mais troféus conquistados na prova, com 12, ultrapassando o Manchester United.

© Reuters Staff / Reuters

Apesar de o jogo ter como único sentido a baliza do Aston Villa, a equipa londrina apenas conseguiu inaugurar o marcador perto do intervalo, aos 40 minutos, por intermédio de Theo Walcott, tendo o chileno Alexis Sanchez (50), o alemão Per Mertesacker (62) e o francês Olivier Giroud (90+3) aumentado a vantagem na segunda parte.

A goleada alcançada hoje no Estádio de Wembley, o triunfo mais folgado na competição desde 1994, ano em que o rival Manchester United bateu o Chelsea pela mesma margem, permitiu aos 'gunners' tornarem-se os recordistas de títulos da competição, com 12 troféus, mais um do que os 'red devils'.

O francês Arsene Wenger, há 19 anos como treinador do Arsenal, também entrou para a história do futebol inglês, ao erguer a Taça de Inglaterra pela sexta vez, igualando o recorde de George Ramsey, que venceu o troféu pela última vez em 1920, precisamente, no comando técnico do Aston Villa.

O Arsenal dominou o encontro desde o apito inicial do árbitro, mas apenas conseguiu quebrar a resistência do adversário, que tinha estado pela última vez na final em 2000, perto do intervalo, quando Walcott, a aposta de Wenger para a posição de ponta de lança, inaugurou o marcador, aos 40 minutos.

A vantagem serenou os jogadores londrinos, que partiram para uma segunda parte demolidora, premiada com os golos de Sanchez, Mertesacker e Giroud, que tinha visto Walcott ocupar o 'seu' lugar, mas conseguiu fechar a contagem já em período de compensação, pouco tempo depois de ter saído do banco de suplentes.


Lusa

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".