sicnot

Perfil

Desporto

Petit renovou com o Boavista por uma época

O treinador Petit renovou contrato com o Boavista por uma época, informou hoje a SAD 'axadrezada', em comunicado, afirmando que tal foi o corolário do "acordo verbal de cavalheiros existente há já algumas semanas".

JOS\303\211 COELHO

"Oportunamente será anunciada a composição da sua equipa técnica", acrescenta a informação veiculada através do seu sítio na internet.

Petit, antigo internacional português, de 38 anos, vai cumprir a sua quarta época consecutiva como técnico do Boavista, depois de ter conseguido a permanência na I Liga.

A SAD boavisteira informa ainda que, "mediante a planificação da pré-época, e o plano global previamente estabelecido, será dado seguimento ao trabalho de constituição do plantel para a época 2015/2016, para o qual transitarão diversos jogadores do plantel da época 2014/2015".

"Transitarão também alguns dos jogadores que estiveram cedidos ou provenientes da formação que efetuaram a semana de trabalho passada, e ainda os reforços que obedeçam aos perfis e ao rigor económico-financeiro necessários à sustentabilidade da Boavista FC, Futebol, SAD", acrescenta a nota.

Os 'axadrezados', entretanto, decidiriam "emprestar ou ceder" na próxima época os jogadores Ancelmo, Lucas Rocha e Julian e "não renovar os contratos de trabalho desportivo" com o lateral direito João Dias, o médio eslovaco Marek Cech e o avançado brasileiro Bobo.

Foi ainda decidido não exercer o direito de opção sobre o defesa central gabonês Aaron Appindangoye, que foi contratado em janeiro.









Lusa
  • Obras no Miradouro de São de Pedro de Alcântara não foram a concurso
    2:50

    País

    As obras no Miradouro de São Pedro de Alcântara, em Lisboa, arrancaram esta segunda-feira. A intervenção foi adjudicada à construtora Teixeira Duarte sem concurso público. A autarquia justifica esta decisão com o caráter urgente da obra, argumento que não consta do relatório do Laboratório Nacional de Engenheria Civil, a que a SIC teve acesso.

  • Rajadas de vento em Moscovo atingem os 110 km/hora
    0:57

    Mundo

    A passagem de uma tempestade por Moscovo fez pelo menos 11 mortos e mais de 50 feridos. Os ventos fortes, que chegaram aos 110 km/hora, destruíram carros e telhados e provocaram atrasos nos transportes. Na região de Stavropol, mais de 60 mil pessoas foram retiradas de casa por perigo de cheias.