sicnot

Perfil

Desporto

Chelsea termina a época a vencer e perante mais de 80.000 espectadores

O campeão inglês de futebol Chelsea, do português José Mourinho, cumpriu hoje o prometido e apresentou-se com uma equipa de primeiro plano no particular com o Sydney FC, que terminou com um triunfo dos 'blues' por 1-0.

© Damir Sagolj / Reuters

Um golo de Loic Remy, com um remate potente e cruzado desde o lado direito do ataque, na grande área, aos 30 minutos, bastou para garantir a vitória do Chelsea perante os 83.598 espetadores presentes no ANZ Stadium, em Sydney, na Austrália.

Mourinho foi fiel ao prometido e naquele que foi o primeiro jogo dos 'blues' na Austrália desde há 41 anos, em 1974, apresentou um '11' forte, no qual John Terry, Azpilicueta, Ivanovic, Matic, Eden Hazard, Obi Mikel, Remy ou Diego Costa.

Foi o último jogo da época para o Chelsea, depois da vitória em Banguecoque, frente ao Thai All Stars, também por 1-0.

O jogo em Sydney teve mais de 80.000 espetadores, o maior número desde que foi remodelado após os Jogos Olímpicos de 2000.

Foi a segunda derrota da equipa australiana em poucos dias, após ter sido batida por outros ingleses, o Tottenham, igualmente por 1-0, em jogo disputado no sábado.

Lusa
  • Pagar IMI a prestações e um Documento Único Automóvel mais pequeno

    País

    O programa Simplex + 2017 é apresentado hoje à tarde e recebeu mais de 250 propostas de cidadãos ao longo dos últimos meses. As novas medidas preveem o pagamento em prestações do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) e a criação de um simulador de custos da Justiça, que devem estar em vigor no próximo ano.

  • Cinco anos depois do incêndio na Serra do Caldeirão
    5:24
  • Destaques económicos que marcaram a semana
    2:03

    Economia

    A semana ficou marcada pela tragédia provocada pelos incêndios no centro do país. No entanto importa olhar para o que se passou noutras áreas e fazer um resumo das notícias relacionadas com a economia. 

  • "Toda a gente merece direitos iguais"
    0:14

    Mundo

    A polícia de Istambul montou cordões de segurança para dispersar a multidão que se juntou para a Marcha do Orgulho Gay, este domingo. O Governo proibiu a marcha por considerar que representa um risco para a segurança pública. Uma das ativistas fala numa decisão sem sentido, e diz que todas as pessoas merecem direitos iguais.

  • "Ela veio lá de fora e começou a atropelar as pessoas"
    0:43

    Mundo

    O atropelamento deste sábado em Newcastle, no Reino Unido, provocou pelo menos seis feridos. No local, as pessoas relatam momentos de pânico. Uma testemunha afirma que a condutora nunca perdeu o controlo do carro e que dirigiu intencionalmente contra a multidão.