sicnot

Perfil

Desporto

Treinador do FC Barcelona diz que final da 'Champions' não é "o jogo mais importante"

O treinador do FC Barcelona, Luís Enrique, afirmou hoje que a final da Liga dos Campeões de futebol, que no sábado opõe a equipa catalã à Juventus, "não é o jogo mais importante" da sua carreira desportiva.

© Reuters Staff / Reuters

"Espero que esse momento esteja ainda por chegar", disse o técnico, em conferência de imprensa na véspera da final de Berlim.

Admitindo a euforia existente entre os adeptos do clube catalão, Luís Enrique defendeu que para superar o rival será preciso uma "boa interpretação" do jogo, manter a posse de bola e jogar o mais possível no campo adversário.

Já Neymar referiu-se, por seu turno, à partida de sábado como "a principal" final da sua carreira.

"É o jogo mais importante da minha vida e tudo farei para que sejamos vitoriosos. Estou a viver um sonho de infância", disse o avançado brasileiro do FC Barcelona, em conferência de imprensa.

Também o defesa do FC Barcelona Gerard Piqué recordou que a equipa catalã está a 90 minutos de alcançar a época perfeita, conquistando o campeonato, a Taça do Rei e a 'Champions'.

"Estamos muito perto, estamos a 90 minutos de conseguir a perfeição, vamos tentar", disse, em conferência de imprensa, advertindo: "se queremos ser os melhores temos de o demonstrar diante de todo o mundo".

"Estamos prepadados para o fazer", vincou.

FC Barcelona e Juventus defrontam-se sábado em Berlim, numa final da Liga dos Campeões em futebol em que ambos, na oitava presença, procuram o 'triplete', depois de vencerem os respetivos campeonatos e taças nacionais.

Com Lionel Messi de regresso ao seu melhor nível, a um nível que se apelida de 'extraterrestre', a que só ele consegue chegar, o 'Barça' surge como favorito, numa primeira época sob o comando de Luis Enrique prestes a tornar-se perfeita.

A 'Juve' já não pode alcançar a perfeição, pois caiu face ao Nápoles na Supertaça italiana, mas, no ano 1 de Massimiliano Allegri, busca algo inédito na sua história, num palco onde a Itália se sagrou campeã mundial em 2006.

Os catalães procuraram o quinto título - depois dos logrados em 1992, 2006, 2009 e 2011 -, que os colocaria no terceiro lugar do 'ranking', ao lado de Liverpool e Bayern Munique e apenas atrás de AC Milan (7) e Real Madrid (10).

Por seu lado, os transalpinos lutam pelo terceiro, após as vitórias em 1985 e 1996, e para evitarem o sexto desaire em finais -- lideram esse 'ranking', com cinco, em igualdade com Benfica e Bayern Munique. O 'Barça só perdeu duas.

Apontado, como todas as épocas, como um dos candidatos ao título, o FC Barcelona fez uma segunda metade de época extraordinária, com Messi a encabeçar um 'tridente' atacante demolidor, juntamente com Neymar e Luis Suárez.

Juntos, os três avançados sul-americanos já marcaram 120 golos -- 58 do argentino, 38 do brasileiro e 24 do uruguaio, que chegou mais tarde -, um registo impressionante, com 'chancela' Luis Enrique, que os soube encaixar no 'onze'.

O encontro entre o FC Barcelona a e Juventus está marcado para as 20:45 locais (19:45 de Lisboa) no Estádio Olímpico de Berlim.








Lusa
  • "Quem faz isto sabe estudar os dias e o vento para arder o máximo possível"
    4:15
  • O balanço trágico dos incêndios do fim de semana
    0:51

    País

    Mais de 500 mil hectares de área ardida, 42 vítimas mortais, 71 de feridos, dezenas de casas e empresas destruídas. É este o balanço de mais um fim de semana trágico para Portugal a nível de incêndios florestais.

  • 2017: o ano em que mais território português ardeu
    1:41

    País

    Desde janeiro, houve mais área ardida do que em qualquer outro ano na história registada de incêndios florestais. Segundo dados provisórios do Sistema Europeu de Informação sobre Fogos Florestais, mais de 519 mil hectares foram consumidos pelas chamas até 17 de outubro, o que representa quase 6% de toda a área de Portugal. 

  • "Viverei com o peso na consciência até ao último dia"
    3:00
  • O que resta de Tondela depois dos incêndios
    1:07

    País

    O concelho de Tondela é agora um mar de cinzas, imagens recolhidas pela SIC com um drone mostram bem a dimensão do que foi destruído pelos incêndios. Perto 100 habitações principais ou secundárias, barracões, oficinas e stands arderam. 

  • Moradores reuniram esforços para salvar idosos das chamas em Pardieiros
    2:50

    País

    O incêndio de domingo em Nelas fez uma vítima mortal: um homem de 50 anos, de Caldas da Felgueira, que regressava de uma aldeia vizinha, onde tinha ido ajudar a combater as chamas. Em Pardieiros, no concelho de Carregal do Sal, várias casas arderam e uma jovem sofreu queimaduras ao fugir do incêndio. Durante o incêndio, pessoas reuniram esforços para salvar a povoação.

  • A fotografia que está a correr (e a impressionar) o Mundo

    Mundo

    A fotografia de uma cadela a carregar, na boca, o cadáver calcinado da cria está a comover o mundo. Entre as muitas fotografias que mostram o cenário causado pelos incêndios que devastaram a Galiza nos últimos dias, esta está a causar especial impacto. O registo é do fotógrafo Salvador Sas, da agência EFE. A imagem pode impressionar os mais sensíveis.

  • As lágrimas do primeiro-ministro do Canadá

    Mundo

    O primeiro-ministro da Canadá, Justin Trudeau, emocionou-se esta quarta-feira ao falar de um artista que morreu depois de perder uma luta contra o cancro. Gord Downie, vocalista da banda de rock canadiana "The Tragically Hip", faleceu esta terça-feira, aos 53 anos, vítima de um tumor cerebral.