sicnot

Perfil

Desporto

Treinador do FC Barcelona diz que final da 'Champions' não é "o jogo mais importante"

O treinador do FC Barcelona, Luís Enrique, afirmou hoje que a final da Liga dos Campeões de futebol, que no sábado opõe a equipa catalã à Juventus, "não é o jogo mais importante" da sua carreira desportiva.

© Reuters Staff / Reuters

"Espero que esse momento esteja ainda por chegar", disse o técnico, em conferência de imprensa na véspera da final de Berlim.

Admitindo a euforia existente entre os adeptos do clube catalão, Luís Enrique defendeu que para superar o rival será preciso uma "boa interpretação" do jogo, manter a posse de bola e jogar o mais possível no campo adversário.

Já Neymar referiu-se, por seu turno, à partida de sábado como "a principal" final da sua carreira.

"É o jogo mais importante da minha vida e tudo farei para que sejamos vitoriosos. Estou a viver um sonho de infância", disse o avançado brasileiro do FC Barcelona, em conferência de imprensa.

Também o defesa do FC Barcelona Gerard Piqué recordou que a equipa catalã está a 90 minutos de alcançar a época perfeita, conquistando o campeonato, a Taça do Rei e a 'Champions'.

"Estamos muito perto, estamos a 90 minutos de conseguir a perfeição, vamos tentar", disse, em conferência de imprensa, advertindo: "se queremos ser os melhores temos de o demonstrar diante de todo o mundo".

"Estamos prepadados para o fazer", vincou.

FC Barcelona e Juventus defrontam-se sábado em Berlim, numa final da Liga dos Campeões em futebol em que ambos, na oitava presença, procuram o 'triplete', depois de vencerem os respetivos campeonatos e taças nacionais.

Com Lionel Messi de regresso ao seu melhor nível, a um nível que se apelida de 'extraterrestre', a que só ele consegue chegar, o 'Barça' surge como favorito, numa primeira época sob o comando de Luis Enrique prestes a tornar-se perfeita.

A 'Juve' já não pode alcançar a perfeição, pois caiu face ao Nápoles na Supertaça italiana, mas, no ano 1 de Massimiliano Allegri, busca algo inédito na sua história, num palco onde a Itália se sagrou campeã mundial em 2006.

Os catalães procuraram o quinto título - depois dos logrados em 1992, 2006, 2009 e 2011 -, que os colocaria no terceiro lugar do 'ranking', ao lado de Liverpool e Bayern Munique e apenas atrás de AC Milan (7) e Real Madrid (10).

Por seu lado, os transalpinos lutam pelo terceiro, após as vitórias em 1985 e 1996, e para evitarem o sexto desaire em finais -- lideram esse 'ranking', com cinco, em igualdade com Benfica e Bayern Munique. O 'Barça só perdeu duas.

Apontado, como todas as épocas, como um dos candidatos ao título, o FC Barcelona fez uma segunda metade de época extraordinária, com Messi a encabeçar um 'tridente' atacante demolidor, juntamente com Neymar e Luis Suárez.

Juntos, os três avançados sul-americanos já marcaram 120 golos -- 58 do argentino, 38 do brasileiro e 24 do uruguaio, que chegou mais tarde -, um registo impressionante, com 'chancela' Luis Enrique, que os soube encaixar no 'onze'.

O encontro entre o FC Barcelona a e Juventus está marcado para as 20:45 locais (19:45 de Lisboa) no Estádio Olímpico de Berlim.








Lusa
  • O ensino à distância em Portugal
    4:12

    País

    Em Portugal, o ensino básico e secundário à distância já conta com 300 alunos e com a preciosa ajuda das novas tecnologias. É através do computador que a escola viaja e acompanha os alunos, alguns com doenças que não os permitem ir às aulas, outros que são atletas de alta competição e que têm a maior parte do tempo ocupado por treinos ou ainda os que fazem parte de famílias itenerantes, como é o caso dos que vivem no circo e andam de terra em terra.

  • Aprender a jogar badminton ao ritmo do samba
    2:54

    Mundo

    No Brasil, a correspondente da SIC foi conhecer um projeto social no Rio de Janeiro que mistura samba e desporto. Um desporto que ainda é pouco praticado mas que tem sido fundamental para transformar a vida de jovens das favelas e para descobrir novos talentos do badminton brasileiro.

    Correspondente SIC